Morre o corredor Peter Snell, tricampeão olímpico em provas de meio fundo - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Morre o corredor Peter Snell, tricampeão olímpico em provas de meio fundo

Compartilhe

Morreu, na última quinta-feira (12), Peter Snell, considerado o maior atleta neozelandês da história. Ele tinha 80 anos e estava a cinco dias de completar o seu 81º aniversário. O óbito ocorreu enquanto dormia em sua casa em Dallas, nos Estados Unidos.

Peter Snell ganhou três medalhas de ouro em Olimpíadas: 800m em Roma-1960 e em Tóquio-1964 e 1500m em Tóquio-1964. O bicampeonato nos 800m foi um feito incrível do neozelandês, já que apenas um atleta havia sido campeão olimpíco duas vezes seguidas até então. E até hoje apenas o queniano David Rudisha conseguiu igualar o bi nos 800m (Londres-2012 e Rio-2016).

Além dos dois ouros olímpicos, Peter também conquistou duas medalhas douradas nos Commonwealth Games de 1962 e ainda foi coroado o atleta da Nova Zelândia do século XX.

Mesmo no auge de sua carreira, ele abandonou a vida de atleta e abdicou de buscar o tricampeonato no México em 1968, para focar na vida acadêmica. Mais tarde, tornou-se um dos grandes nomes da medicina esportiva mundial. 

Sir Peter já sofreu com problemas cardíacos em 2010. Em novembro deste ano, ele chegou a desistir de uma viagem, já no aeroporto, para Monte Carlo, onde participaria de um evento de atletismo, porque sentiu novos problemas com sua saúde.

A morte da lenda recebeu condolências de grandes nomes, como o presidente do Comitê Olímpico Neozelandês, Mike Stanley, e do presidente da World Athletics, Sebastian Coe.

Foto: Reprodução

Nenhum comentário:

Postar um comentário