Brasil tem primeiro caso de naturalizado para os Jogos de 2016

Atleta de luta greco-romana de origem Armênia, Eduard Soghomonyan obteve passaporte brasileiro e foi convocado para a Seleção Brasileira, podendo disputar as próximas etapas do Circuito Mundial já nos próximos meses.

A situação do atleta ainda não foi concluída, então ele ainda fica sem condições de disputar torneios como Jogos Pan-americanos e Olímpicos.


Soghomonyan está no Brasil desde 2012. Em 2010, quando foi quinto lugar no mundial júnior, o atleta foi de acompanhante da delegação brasileira que, em 2011, participou dos Jogos Pan-armênios (torneio que reúne as comunidades armênias de todo o mundo). Nesta ocasião, se aproximou de brasileiros que acabaram convidando o atleta para morar com eles, em São Paulo.

A Confederação Brasileira de Lutas Associadas (CBLA) disse que não interfereu para que o atleta conquistasse o passaporte, por mais que tenha acolhido o atleta em seus treinos.

Eduard Soghomonyan tem 25 anos e disputa na categoria até 130kg, e disputará uma vaga com uma revelação brasileira na modalidade, Ramilo Paz, que foi campeão pan-americano júnior em 2012.


Fonte: esportes.estadao.com.br

Postar um comentário

To Top