Campeonato Mundial de Patinação Artística por Equipes 2019 - Dia 3



O Campeonato Mundial de Patinação Artística por Equipes, disputado em Fukuoka, Japão terminou com um dia de consagração da vitória da equipe dos EUA, mas onde os russos tiveram finalmente destaque com uma grande vitória no programa longo feminino da campeã mundial Elizaveta Tuktamysheva. Nos pares, uma vitória com autoridade de Vanessa James e Morgan Ciprés levou a França ao quarto lugar do torneio. O Japão ficou com a prata, dois pontos à frente da Rússia 


Pares:

Os favoritos Vanessa James e Morgan Ciprés, da França vieram determinados a não deixar a vitória escapar, e foram para o tudo ou nada: com uma performance quase no limite do acrobático, extremamente ousada mas sem descuidar da execução de elementos, a dupla campeã do Grand Prixde 2018 conquistou sua melhor avaliação na temporada, com impressionantes 152.52 pontos no Programa Livre e deixou um desafio árduo para os russos Natalia Zabiiako e Alexander Enbert, líderes do programa curto e que se apresentaram a seguir.

Zabiiako e Enbert fizeram uma performance forte com a maioria dos elementos em níveis 3 e 4, mas acabaram selando o resultado ao executarem como apenas duplo um salto triplo salchow lado a lado que estava no programa. Na pontuação final do segmento ficaram com 141.32 pontos, o melhor resultado da temporada mas insuficiente para a vitória.  Kirsten Moore-Towers e Michael Marinaro ficaram no terceiro lugar, o melhor resultado da equipe do Canadá no torneio.


Feminino:

Foi dia da russa Elizaveta Tuktamysheva. Numa performance sem erros, com um impressionante salto triplo Axel abrindo, mais sete saltos triplos e que com muita artisticidade envolveu a torcida mesmo na casa dos adversários, a campeã mundial de 2015 arrancou aplausos e somou 153.89 pontos, vencendo o Programa Livre. Foi seu melhor resultado no segmento em uma temporada de grandes altos e baixos onde conquistou resultados expressivos no início, mas que terminou com uma hospitalização por pneumonia, a ausência forçada no Campeonato Nacional russo e a perda da vaga para o Campeonato Mundial para Evgenia Medvedeva.

O bom resultado de Tuktamysheva quase levou a equipe da Rússia para a medalha de prata no Campeonato: a vencedora do programa curto, Rika Kihira do Japão teve um dia ruim, com muitos erros e duas deduções por queda. Kihira terminou o programa livre apenas no quinto lugar, somando apenas 8 pontos para a equipe do Japão. Mas a outra integrante da equipe japonesa, Kaori Sakamoto, com uma performance sólida, artística e com apenas uma falha menor em um salto triplo Lutz conseguiu garantir o terceiro lugar no segmento e pontuação suficiente para segurar a posição da equipe na soma final. O segundo lugar do programa livre feminino ficou com Bradie Tennell, dos EUA, que fez uma performance com ênfase na sua mais forte qualidade como patinadora: elementos muito limpos, executados com extrema precisão.

Na soma final do torneio, a equipe dos EUA venceu com o placar folgado de 117 pontos, com o Japão no segundo lugar com 104 pontos e a Rússia em terceiro, com 102 pontos. O ótimo resultado em Pares levou a França para o quarto lugar, com o Canadá ficando no quinto lugar e a Itália em sexto. Todas as tabelas com resultados e súmulas detalhadas de julgamentos do Campeonato Mundial de Patinação Artística por Equipes de 2019 estão disponíveis aqui, no site oficial de resultados do evento.

Foto: ISU

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes