Últimas Notícias

Taça Brasil de Pista reúne mais de 120 ciclistas no Velódromo de Maringá

Ciclistas enfileirados disputando Prova no Velodromo de Maringá, com público na arquibancada ao fundo.Reprodução: www.cbc.esp.br / Wesley Kestrel

 

Foi realizada no último final de semana, na cidade de Maringá, no Paraná, a primeira etapa da Taça Brasil de Ciclismo de Pista 2023. O torneio abriu o calendário nacional com três dias de muita competição, reunindo mais de 120 ciclistas distribuídos nas categorias Junior, Elite, Sub23, Paraciclismo e Open. Os primeiros colocados de cada prova somaram pontos importantes no ranking nacional.


A competição começou na sexta feira (10), com os atletas disputando classificatórias das provas de velocidade individual e definindo as primeiras medalhas nas provas  de Eliminação das categorias Junior (Feminino e Masculino) e Elite Feminino.


A prova de Eliminação da Elite Feminina foi o grande destaque do primeiro dia, com uma disputa de alto nível, vencida pela atleta Wellyda Rodrigues (ABEC Rio Claro), seguida de perto pela sua companheira de equipe Nicolle Borges, atual campeã brasileira da prova. Gisele Gasparotto (Lulu 5 Team), completou o pódio em terceiro lugar.


Na categoria Júnior, os vencedores da prova de Eliminação foram Catharine Vieira e Sérgio Batista, ambos representantes da Prefeitura Municipal de Rolândia. No final da tarde, a programação precisou ser interrompida, devido a chuva, e retomada no sábado.


No sábado, a programação intensa de eventos contou com as provas omnium masculino, madison feminino, eliminação masculino, km contrarrelógio (Paraciclismo), além das finais emocionantes da velocidade individual, que proporcionou disputas acirradas que levantaram o público presente.

 

No masculino, João Vitor (Santos Cycling Team/Fupes) disputou a medalha de ouro da velocidade individual contra o experiente Flávio Cipriano (TCT Taubaté). Na melhor de três, João confirmou o favoritismo e venceu por 2x1, conquistando mais um título importante para sua carreira. Cipriano terminou em segundo lugar, enquanto Daniel Brito (Santos Cycling Team/Fupes) ficou em terceiro.

 

A equipe Santos Cycling Team/Fupes, também levou a melhor na velocidade individual feminina com a ciclista Maria Tereza Muller, que venceu todos os confrontos disputados. Gisele Gasparotto, que defende a equipe Lulu 5 Team, conquistou a segunda colocação. Na disputa do bronze, Isabela Schuster ficou com a vitória e garantiu a terceira colocação.



No masculino, os atletas da categoria Elite disputaram a Omnium. Apresentando uma estratégia impecável, Cristian Egídio (TCT Taubaté) dominou a prova e garantiu a medalha de ouro com 230 pontos. Samuel Stachera (Só Pedal) somou 181 pontos e levou a prata. O bronze ficou com Raul Estevinho com 124 pontos.



As atletas da Elite feminina também disputaram a Madison Feminina e protagonizaram uma prova de alto nível. A dupla formada por Alice Melo e Wellyda Rodrigues (ABEC Rio Claro) somou 61 pontos e comemorou a primeira colocação. Amanda Kunkel e Ana Paula Casetta (Clube Maringaense de Ciclismo) conquistaram a segunda colocação, seguidas por Camila Aliperti e Gisele Gasparotto (Lulu 5 Team) que fizeram uma corrida de recuperação, após uma queda da atleta Camila, e ainda conquistaram a terceira colocação.


A competição se encerrou no domingo (12), em que foram definidos os campeões das provas Keirin masculino e feminino, Madison masculino, Omnium feminino e Perseguição Individual do Paraciclismo.


Na Omnium feminino, Alice Melo, da ABEC Rio Claro, dominou a prova de ponta a ponta e, após quatro corridas, comemorou a vitória invicta com 195 pontos. O Clube Maringaense de Ciclismo completou o pódio com Ana Paula Casetta (127 pts) e Amanda Kunkel (119 pts), segunda e terceira colocadas.

 

A Keirin, na Elite, foi vencida pelos velocistas João Vitor e Wellyda Rodrigues. Já no paraciclismo, os campeões da Perseguição Individual foram Edson Jorge (MC2) e André Carneiro (MC4). E entre as novas promessas da categoria Júnior, destaque absoluto para a equipe da Prefeitura de Rolândia, que marcou presença em todos os pódios, inclusive conquistando as três primeiras posições da Keirin.

 

Disputada em categoria única, com atletas da Elite e Junior, a prova Madison proporcionou momentos de muita técnica e disputas acirradas. A dupla formada por Ricardo Dalamaria e Samuel Stachera (93 pts), da equipe Só Pedal, conquistou a primeira colocação, seguida pelos jovens atletas da categoria Junior, Sérgio Batista e Matheus Constantino (55 pts), que representam a Prefeitura de Rolândia. João Casetta e Diogo Maia (28 pts) ficaram na terceira colocação.

 

A Taça Brasil de Pista etapa Maringá foi uma organização e realização do Clube Maringaense de Ciclismo e Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC), em parceria com a Federação Paranaense de Ciclismo (FPC) e Prefeitura Municipal de Maringá, com patrocínio do Governo do Estado do Paraná, através da Proesporte e Copel (Companhia Paranaense de Energia), e apoio da Agenda Esportiva.


0 Comentários

.

APOIE O SURTO OLÍMPICO EM PARIS 2024

Sabia que você pode ajudar a enviar duas correspondentes do Surto Olímpico para cobrir os Jogos Olímpicos de Paris 2024? Faça um pix para surtoolimpico@gmail.com ou contribua com a nossa vaquinha pelo link : https://www.kickante.com.br/crowdfunding/ajude-o-surto-olimpico-a-ir-para-os-jogos-de-paris e nos ajude a levar as jornalistas Natália Oliveira e Laura Leme para cobrir os Jogos in loco!

Composto por cinco editores e sete colaboradores, o Surto Olímpico trabalha desde 2011 para ser uma referência ao público dos esportes olímpicos, não apenas no Brasil, mas em todo o mundo.

Apoie nosso trabalho! Contribua para a cobertura jornalística esportiva independente!

Digite e pressione Enter para pesquisar

Fechar