Últimas Notícias

Definidos os primeiros semifinalistas do Australian Open

Foto: REUTERS/Loren Elliott

 

O Australian Open definiu nesta terça-feira (24) os primeiros classificados para as semifinais da edição 2023. Pela chave masculina passaram Karen Khachanov e Stefanos Tsitsipas, e pela chave feminina Elena Rybakina e Victoria Azarenka. Nas duplas mistas, o destaque ficou para a classificação da dupla brasileira Luisa Stefani e Rafael Matos.


No simples masculino, o grego Stefanos Tsitsipas seguiu na competição  ao vencer o duelo contra o jovem tcheco Jiri Lehecka, em 3 sets a 0, parciais de 6/3, 7/6 (7-2) e 6/4. Tsitsipas tinha o jogo controlado e se encaminhava para a vitória quando atirou uma bola contra o fundo de quadra e quase acertou um boleiro, correndo risco de ser desclassificado naquele momento. O grego segue ainda em busca seu primeiro título de Grand Slam, e caso se concretize pode o colocar como novo número 1 do mundo.

 

Nas semifinais, Tsitsipas, nº 4 do ranking, terá que superar Karen Khachanov, da Rússia. Ele se classificou após desistência do norte-americano Sebastian Korda. Quando a partida estava no terceiro set e parecia encaminhada para uma vitória de Khachanov, Korda cedeu às dores no punho, que o incomodou durante todo o duelo, e a partida foi dada como encerrada com parciais de 7/6 (7-5), 6/3 e 3/0 e vaga na semifinal para o russo.


Na chave feminina de simples, Elena Rybakina, do Cazaquistão, impôs o seu melhor jogo e superou Jelena Ostapenko, da Letônia, provando que a vitória sobre Iga Swiatek, nº 1 do mundo, não foi por acaso. Rybakina precisou de 01h14 para fechar a partida em 2 a 0, parciais de 6/2 e 6/4, e se garantir na semifinal do torneio.

 

A adversária de Elena Rybakina será Victoria Azarenka, de Belarus. A bicampeã do Australian Open retorna às semifinais depois de 10 anos, após conseguir uma empolgante vitória sobre a norte-americana Jessica Pegula, que vinha embalada com oito vitórias seguidas, em sets diretos, com parciais de 6/4 e 6/1.

  

Nas duplas mistas o destaque segue sendo o bom desempenho da dupla brasileira Luisa Stefani e Rafael Matos que carimbaram a vaga nas semifinais ao vencerem Lizette Cabrera e John-Patrick Smith, dupla da Austrália, em sets diretos, parciais de 6/3 e 6/4 (veja aqui). Na próxima fase eles enfrentam outra dupla australiana, Olivia Gadecki e Marc Polmans, que venceram Maddison Inglis e Jason Kubler por 6/3 e 6/2.


0 Comentários

.

APOIE O SURTO OLÍMPICO EM PARIS 2024

Sabia que você pode ajudar a enviar duas correspondentes do Surto Olímpico para cobrir os Jogos Olímpicos de Paris 2024? Faça um pix para surtoolimpico@gmail.com ou contribua com a nossa vaquinha pelo link : https://www.kickante.com.br/crowdfunding/ajude-o-surto-olimpico-a-ir-para-os-jogos-de-paris e nos ajude a levar as jornalistas Natália Oliveira e Laura Leme para cobrir os Jogos in loco!

Composto por cinco editores e sete colaboradores, o Surto Olímpico trabalha desde 2011 para ser uma referência ao público dos esportes olímpicos, não apenas no Brasil, mas em todo o mundo.

Apoie nosso trabalho! Contribua para a cobertura jornalística esportiva independente!

Digite e pressione Enter para pesquisar

Fechar