Rui Júnior leva o bronze no Sumô no segundo dia dos Jogos Mundiais


Foto: Dustin Massey


O Brasil conquistou mais uma medalha na edição 2022 dos  Jogos Mundiais, que está sendo disputado em Birmignham (USA) Rui Júnior ficou com a medalha de bronze na categoria peso pesado do Sumô e faturou a terceira medalha brasileira na competição - um ouro, uma prata e um bronze. Com estas medalhas, o Brasil ocupa o décimo primeiro lugar no quadro de medalhas.

Confira a atuação dos brasileiros em Birmingham nesse sábado (9): 


SURTE+: Vinícius Figueira é ouro no Caratê em primeiro dia de Jogos Mundiais


Breaking


Por conta das mudanças climáticas em Birmingham, com ventos de 60km/h e chuva forte, o breaking que teria sua disputa ao ar livre neste sábado (9) foi adiado para o domingo (10). O Brasil terá um representante no masculino com o B-boy Luan.


Powerlifting


O powerlifting brasileiro terminou sem pódios nos Jogos Mundiais. Cicera Tavares do peso pesado, foi a quem teve a melhor colocação, ficando em quarto lugar com 607,5kg e 105.46 pontos, novo recorde mundial master - Cícera tem 46 anos. 

No  peso médio Marcelo Del Lama ficou em nono lugar com 807.5 kg e 93.55 pontos e David Coimbra ficou em oitavo com 887.5kg e 96.93 pontos no peso pesado.  


Sumô

A medalha brasileira do dia veio no pesado pesado do sumô com Rui Júnior, que venceu Angel Delatorre (USA) na primeira rodada e nas quartas de final, caiu para Daika Nakamura (JPN). Na repescagem, Rui superou  Abrahim Abdelatif (EGY) e Moises Perez (VEN) e lutou contra Abdelrahman Obaid por uma vaga para brigar com o bronze e venceu. Na disputa pelo metal precioso, Rui derrotou Jaxiek Persiak e conquistou a medalha inédita na carreira, o primeiro brasileiro a conquistar uma medalha no sumô.

Entre os outros brasileiros da modalidade, quem mais se aproximou do pódio foi Luciana Watanabe no peso leve feminino. Ela acabou perdendo para Okutomi Yuka (JPN) na primeira rodada e na repescagem venceu Moira Santillan (ARG) e Stephanie Steinmetz (GER), mas no último duelo para ter chances de disputar o Bronze, foi superada por Alina Duzhenko (UKR) e perdeu a chance de conseguir mais uma medalha em jogos Mundiais na carreira.

Alex Nakaya (peso Leve), Alysson Salles e Fernanda Pelegrini (peso pesado),Valéria Dell-Orio (peso médio) Ficaram nas primeiras rodadas e não avançaram na repescagem.


Próximos compromissos dos atletas brasileiros

No domingo (10), os lutadores do sumô vão competir na categoria aberta- sem limite de peso. Além do Breaking com B-Boy Luan, por conta do adiamento pelo mau tempo em Birmingham. O Punhobol estreia com a seleção feminina contra a Nova Zelândia a seleção masculina enfrenta os EStados Unidos. Outra estreia é a seleção feminina de Flagball também estreia enfrentando a Itália. Os Jogos Mundiais estão sendo transmitidos pelo canal olímpico e no star+ (narração em inglês)



Postar um comentário

To Top