Mayra Aguiar ganha bronze e Brasil fecha Grand Slam de Budapeste com três medalhas


No último dia de competições do Grand Slam de Budapeste, o Brasil também deixou sua marca no pódio. Neste domingo (10), Mayra Aguiar venceu a britânica Emma Reid e faturou o bronze na categoria até 78 kg. A vitória rendeu 500 pontos no ranking mundial, onde a judoca figura em oitavo lugar.

Nas quartas, Mayra Aguiar venceu a venezuelana Karen Leon e perdeu para a italiana Alice Bellandi na semi, por três punições. Em abril, a judoca faturou o ouro no Pan-Americano, em Lima, e em junho foi prata no Grand Slam de Tbilisi, na Geórgia.

Bronze em Tóquio, Mayra Aguiar impôs volume ofensivo logo no início da luta. A perna esquerda da brasileira desequilibrou a adversária e a atleta conseguiu um Ippon em 30 segundos de luta. A italiana Alice Bellandi ficou com o ouro, a israelense Inbar Lanir com a prata e a japonesa Shori Hamada com o outro bronze da categoria. 

A judoca voltará em ação no Grand Prix de Zagreb, na Croácia, que acontecerá de 15 a 17 de julho.

Mais resultados

Rafael Macedo perdeu a disputa do bronze na categoria 90 kg para o cubano Ivan Silva Morales e ficou em quinto lugar na competição. O brasileiro perdeu por um ippon no golden score. Ketleyn Quadros também ficou em quita lugar (63kg). 

Rafael Buzacarini 
finalizou o torneio em sétimo na categoria 100 kg. venceu o francês Cedric Olivar e Gonchigsuren Batkhutag, da Mongólia, mas foi derrotado nas quartas pelo vice-campeão olímpico Varlam Liparteliani, da Geórgia e na repescagem ficou com a sétima colocação. William Souza (100kg) caiu na estreia para o alemão Daniel Herbst. Rafael Silva (+100kg), o Baby, foi derrotado na segunda rodada pelo holandês Jelle Snippe. João Cesarino (+100kg) passou pelo chinês Yongjie Yin na estreia, mas foi eliminado pelo francês Teddy Riner, duas vezes campeão olímpico na rodada seguinte. 

No sábado, Guilherme Schimidt ficou com o ouro na categoria 81 kg após bater Saied Mollaei do Azerbaijão. E na sexta, Rafaela Silva ficou com a prata após perder a final da categoria 57 kg para a japonesa Haruka Funakubo. 

Foto: Feliciantonio Emanuele/Ijf/Arquivo

Código adsense convertido aqui

Postar um comentário

Bem-vindos ao Surto Olímpico!
Bem-vindos ao Surto Olímpico!
To Top