Fase de grupos das eliminatórias Concacaf volta com vitória haitiana e goleada dos EUA

Haitianas comemoram vitória histórica contra o México (foto: Divulgação / Concacaf)
Haitianas comemoram vitória histórica contra o México (foto: Divulgação / Concacaf)

A segunda rodada da fase de grupos do Campeonato Feminino Concacaf começou ontem (07/07) com duas partidas do grupo A disputadas no Estádio BBVA, em Monterrey, no México. A primeira partida terminou com a vitória de 5 a 0 dos EUA sobre a Jamaica. Já a segunda surpreendeu com os 3 gols haitianos sob as mexicanas

Estados Unidos x Jamaica

Estados Unidos garantem classificação para a próxima fase em goleada de 5 a 0 (foto: Divulgação / Concacaf)
Estados Unidos garantem classificação para a próxima fase em goleada de 5 a 0 (foto: Divulgação / Concacaf)

Logo no início, aos 5', Naomi Girma fez um passe longo para a companheira Sophia Smith que fintou a zaga e chutou a bola direto para a rede, marcando o primeiro gol estadunidense.

Três minutos depois, Smith marcou o segundo, com uma assistência de Sofia Huerta.

No segundo tempo, os EUA continuou pressionando até Rose Laveille marcar o terceiro gol aos 59'. A jogada foi possível graças à assistência de Ashley Sanchez

Aos 81' a jamaicana Paige Bailey-Gayle deu um pênalti para as estadunidenses ao cometer uma falta dentro da área. Kristie Mewis foi a escolhida para marcar o quarto gol da partida.

O último gol veio aos 86' com a estreante Trinity Rodman após receber a bola de Pugh.

Haiti x México

Haiti vence do México por 3 a 0 (foto: Divulgação / Concacaf)
Haiti vence do México por 3 a 0 (foto: Divulgação / Concacaf)

O Haiti começou o jogo com a sorte a seu favor. Aos 13', a mexicana Stephany Mayor cometeu uma falta em sua própria área, dando um pênalti para as haitianas. Roselord Borgella fez a cobrança lançando a bola direto para o fundo do gol.

As haitianas continuaram pressionando e, aos 29', Borgella balançou as redes outra vez. Mas a árbitra chamou o VAR e constatou um impedimento.

As mexicanas viram uma luz de esperança quando Rebeca Bernal cobrou uma falta perigosa aos 38'. Mas a bola acertou a barreira mantendo o 1 a 0.

No segundo tempo, a goleira mexicana cometeu uma falta e, além de receber um cartão amarelo, foi definido outro pênalti para o Haiti. Aos 65', Nerilia Mondesir assumiu a responsabilidade e marcou o segundo para a seleção caribenha.

Aos 77', a vitória mexicana ficou ainda mais difícil de ser alcançada. Após uma revisão do VAR, Greta Espinoza foi expulsa.

Logo depois, Sherly Jeudy marcou o terceiro e último gol para o Haiti em uma cobrança de falta. Fechando, assim, a primeira vitória haitiana sobre o México em uma partida pela Concacaf.

Próximos passos

O último jogo das líderes do Grupo A será contra as anfitriãs mexicanas, enquanto Haiti entrará em campo contra a Jamaica buscando conquistar o segundo lugar do Grupo A.

Postar um comentário

To Top