Equipe masculina do Brasil conquista sete medalhas no Pan-Americano de ginástica artística


A equipe masculina brasileira encerrou a sexta (15), segundo dia de Pan-Americano de ginástica artística, com ótimas performances que renderam resultados expressivos: foram sete medalhas, três de ouro, duas de prata e duas de bronze. Vieram dobradinhas nas argolas e na barra fixa. Caio Souza (foto) confirmou a excelente temporada e faturou quatro pódios nos aparelhos, além ouro no individual geral, com uma pontuação total de 83.033.

Nos aparelhos, Caio foi ouro no salto, com uma média de 14.833, bem a frente do segundo colocado, o canadense Felix Dolci, que fez 14.366.  

Nas argolas, o Brasil fez dobradinha com Arthur Zanetti e Caio Souza. Em sua primeira competição internacional após os Jogos Olímpicos de Tóquio, Zanetti fez uma apresentação limpíssima e cravou a saída para conquistar 14.467 pontos e levar a medalha de ouro. Já Caio, que tinha levado a medalha dourada no Pan de 2021, também teve ótima performance (14.267) e garantiu a prata. 

Arthur Zanetti comemora excelente performance nas argolas, aparelho em que é duas vezes medalhista olímpico. Foto: Jorge Henrique/CBG

A outra dobradinha verde e amarela veio na barra fixa com Caio Souza, prata, e Arthur Nory, bronze. Nas barras paralelas, como os Estados Unidos tiveram três ginastas entre os os três melhores, Caio, como quarto colocado, ficou com o bronze, uma vez que há um limite de dois atletas por pódio. 

Com a segunda posição por equipes, o Brasil garantiu vaga no Mundial. Estados Unidos (1º), Canadá (3º) e Colômbia (4º) também se classificaram. 

Confira, abaixo, a pontuação da equipe brasileira em todos os aparelhos.

Argolas 

- Lucas: 13.167

- Diogo: 12.967

- Caio: 14.267 - 2º

- Zanetti: 14.467 - 1º

Salto

- Lucas: 14.333

- Diogo: 14.333 

- Caio: 14.833 - 1º

- Zanetti: 13.950

Paralelas

- Lucas: 13.667

- Diogo: 13.600

- Caio: 14.233 - 4º

- Nory: 14.667 

Fixa

- Lucas: 13.000

- Diogo: 13.433 - 4º

- Caio: 13.967 - 2º

- Nory:  13.800 - 3º

Solo

- Lucas: 13.800 - 5º

- Diogo: 13.667 

- Caio: 13.700

- Zanetti: 13.633

Cavalo com alças 

- Lucas: 10.533

- Diogo: 10.433

- Caio: 12.033 

- Nory: 12.267


Equipe masculina 

  • Arthur Nory (cavalo, paralelas, barra)
  • Arthur Zanetti (solo, argolas, saltos)
  • Caio Souza (todos os aparelhos)
  • Diogo Soares (todos os aparelhos)
  • Lucas Bitencourt (todos os aparelhos)
  • Leonardo de Souza (reserva)

Treinadores: 

  • Marcos Goto
  • Cristiano Albino
  • Daniel Biscalchin
  • Ricardo Yokoyama

Foto: Ricardo Bufolin/CBG

Postar um comentário

To Top