Petrucio Ferreira fica em segundo no 'photochart' nos 100m rasos na Diamond League em Oslo


Petrucio Ferreira
fez bonito em Oslo. Na disputa dos 100m rasos com alguns dos atletas paralímpicos mais rápidos do mundo em prova especial da etapa norueguesa Diamond League, o brasileiro ficou em segundo lugar, perdendo o primeiro lugar no detalhe.


No Estádio Bislett, o brasileiro terminou o percurso em 10s57, o mesmo tempo do primeiro colocado da disputa, o norueguês Salum Kashafali, da classe T12 (para atletas com deficiência visual). No entanto, o anfitrião levou vantagem por causa do posicionamento do seu peito na hora em que cruzou a linha de chegada, ou seja, a decisão foi no "fotochart". A terceira colocação foi do argelino Skander Athman (T13), que finalizou o trajeto em 10s58. 


Petrucio, que é da classe T47 - para amputados parciais ou totais dos membros superiores - competiu contra atletas de outras classes em Oslo. Na disputa da Diamond League, havia velocistas com deficiência visual (classes T11, T12 e T13) e amputados que competem com próteses (classes T62 e T64). 


"Infelizmente, eu não tive uma boa saída. Mas também tenho de reconhecer o mérito do meu adversário (o norueguês Salum Kashafali). Ele correu muito bem e tenho que aplaudi-lo na casa dele", disse o paraibano, que também elogiou a organização da Diamond League. "O evento foi maravilhoso. Só posso agradecer pela oportunidade de ter participado e dividido experiências com outros grandes atletas, inclusive do atletismo convencional brasileiro, como Alison dos Santos, Thiago Braz e Rafael Pereira", avaliou. 


Petrucio é oficialmente o atleta paralímpico mais rápido do mundo, com o tempo de 10s42 , obtida no Mundial de atletismo de Dubai, em 2019.  Mas o brasileiro já correu os 100 metros em 10s29  em março, durante o Desafio CPB/CBAt, realizado no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo, mas não homologado por não ser um evento oficial da IPC (Comitê Paralímpico Internacional)



Confira o resultado dos 100 m na Diamond League:


1º Salum Kashafali (Noruega) - classe T12 - 10s57

2º Petrúcio Ferreira (Brasil) - classe T47 - 10s57

3º Skander Athmani (Argélia) - classe T13 - 10s58

4º Noah Malone (EUA) - classe T12 - 10s70

5º Felix Streng (Alemanha) - classe T64 - 10s80

6º Johannes Floors (Alemanha) - classe T62 - 10s97

7º Athanasios Gavelas (Grécia) - classe T11 - 11s04



Foto: Giovanna Chencchi/CPB

Postar um comentário

To Top