De olho em índice no arremesso de peso para o Mundial e Parapan, Thiago Paulino disputa o Campeonato Brasileiro em São Paulo


Um dos principais nomes do atletismo paralímpico do Brasil, Thiago Paulino, atleta do arremesso de peso e integrante do Time Ajinomoto, está confirmado para disputar o Campeonato Brasileiro da modalidade, marcado para acontecer nas dependências do Centro de Treinamento Paralímpico Brasileiro – CTPB, em São Paulo (SP). 

A competição começará na quinta-feira (5), quando Thiago entrará na pista em busca de sua segunda vitória na temporada. Ele tentará ainda dois outros objetivos: alcançar os índices para o Campeonato Mundial de Paris e para o Parapan-Americano de Santiago, ambos marcados para 2023.

“Chego para este Campeonato Brasileiro com a melhor expectativa possível. Estou muito bem física e tecnicamente, o que me dá ainda mais confiança de que tenho condições de alcançar logo os índices para o Mundial e para os Jogos Parapan-Americanos. O foco é esse”, afirmou Thiago Paulino, que levou a medalha de bronze no arremesso de peso classe F57 (atletas que competem em cadeira de rodas com sequelas de poliomielite, lesões medulares e amputações) durante os Jogos Paralímpicos, no ano passado.

Para assegurar o seu lugar no Mundial de Paris, Thiago Paulino necessita alcançar o índice A, estabelecido pelo CPB (Comitê Paralímpico Brasileiro), que é de 14,87 m. Caso a marca não seja obtida, a classificação poderá ser via ranking nacional, com data-limite a ser definida pela entidade.

Parte da confiança em garantir agora um lugar no Mundial e no Parapan se deve também ao bom início de temporada do integrante do Time Ajinomoto em 2022, após a vitória na 1ª etapa do Circuito Caixa, quando venceu sua prova com a marca de 14,25 m, no mês de março. “Considerando que é início de temporada, a marca foi muito boa. Estávamos ainda na base, que é um período em que trabalhamos com cargas mais altas, então é totalmente normal que eu estivesse um pouco mais travado. A tendência é que de agora em diante essa marca melhore gradativamente”, explica Thiago.

Por isso, o arremessador entende que participar das duas grandes competições de 2023 será fundamental na caminhada para os Jogos de Paris, em 2024. “Estamos muito confiantes no trabalho que vem sendo desenvolvido para a Paralimpíada. O primeiro passo é conquistar as vagas para o Mundial e para o Parapan, que nos darão uma resposta do que fazer exatamente visando os Jogos de Paris, nosso principal objetivo”, afirma o atleta do Time Ajinomoto.

Foto: Takuma Matsushita/CPB

Postar um comentário

To Top