Brasil garante duas medalhas no Mundial feminino de boxe


 

O Brasil garantiu nesta segunda (16), pelo menos duas medalhas de bronze no Mundial feminino de boxe, em Istambul (TUR). A garantia de pódio veio após Caroline Almeida (52kg) vencer a irlandesa Carly McNaul e Bia Ferreira (60kg) vencer a sérvia Natália Sadrina pelas quartas de final.


Carol foi a primeira a entrar e foi muito bem no primeiro round, vencendo por 5 a 0. Porém, a irlandesa reagiu bem e endureceu a luta, conseguindo encaixar alguns golpes. Isso não foi o suficiente para que a maioria dos juízes não mantivessem a brasileira como vencedora. No segundo round ela venceu por 4 a 1 e o terceiro ela levou por 3 a 2.


Na próxima fase, ela enfrenta a indiana Zareen Nikhat, em confronto marcado para quarta-feira, já que terça será um dia sem lutas.


Bia atacava bem mas sofria com o clinch da sérvia e mesmo assim levou o primeiro round por 4 a 1. O segundo round foi mais favorável para a brasileira, com todos os juízes dando a vitória pra ela, inclusive com placares de 20 a 17, garantindo a vitória de Bia. 


Após a divulgação do resultado, dada de forma unânime pelos juízes, Bia ainda dançou "Desenrola, bate joga de ladinho" na comemoração.


Na quarta, a vice-campeã olímpica e atual campeã mundial irá enfrentar a campeã mundial de 2016, a italiana Alessia Messiano. O torneio tem transmissão do Canal Olímpico do Brasil.


Jucielen Romeu (57kg) acabou eliminada após perder por decisão unânime para a taiwanesa Lin Yu-Ting.


Foto: Divulgação/ AIBA

Postar um comentário

To Top