Laura Pigossi luta em Bogotá, mas acaba perdendo a sua primeira final de WTA

 


Em sua primeira final de WTA da carreira, a brasileira Laura Pigossi perdeu o título do WTA 250 de Bogotá neste domingo (10), a final do torneio contra a alemã Tatjana Maria.


Com a excelênte campanha, Laura passa agora a ser a número 125 do mundo, saindo da 212ª posição do ranking. 


A brasileira chegou a final depois de passar pelo qualifier e logo na primeira fase, eliminou a cabeça de chave número cinco, Harmony Tan (FRA). Depois, ela passou por Ekaterine Gorgodze (GEO) e Dayana Yastremska (UKR), chegando a final após eliminar a cabeça de chave número um do torneio, a colombiana Camila Osorio.


O jogo começou bem equilibrado, com as duas confirmando seus serviços e deixando o jogo em 3 a 3, mas tudo mudou a partir do sétimo game, quando Tatjana passou a dominar a parcial e com alguns erros de Laura, venceu o primeiro set por 6 a 3.


A brasileira precisava reagir, mas a alemã continuava com um bom ritmo de jogo. Sendo assim, Laura não desistiu e quebrou o serviço de Tatjana no sexto game e abriu 4 a 2 no placar. Porém, a europeia devolveu a quebra. 


Isso não foi o suficiente para ela virar o set e Laura empatou o jogo, vencendo a parcial por 6 a 4. 


Tatjana voltou a ser melhor no último set, quebrou o serviço da brasileira, que estava cansada e não conseguiu reagir, deixando a alemã ficar com o título, levando o set desempate por 6 a 2.


Até hoje, apenas três tenistas brasileiras venceram um torneio da WTA, são elas: Maria Esther Bueno, Niege Dias e Teliana Pereira, que venceu o WTA 250 de Bogotá em 2015. 


Foto: Copa Colsanita



Postar um comentário

To Top