Jogos Paralímpicos de Inverno - Dia 6

Pedersen desliza sentado em seu esqui, contornando uma bandeira azul do percurso do esqui alpino. Ele veste um uniforme vermelho e capacete preto
Jesper Pedersen da Noruega - Foto: Li Ga/Xinhua

A quinta-feira (10) teve apenas três finais nos Jogos Paralímpicos de Inverno Pequim 2022 - todas no esqui alpino. Pela primeira vez desde o início da disputa, a China ficou um dia sem conquistar uma medalha de ouro. Áustria, Finlândia e Noruega foram os países vitoriosos do dia. Além disso, hoje foram definidas as semifinais do torneio de curling em cadeira de rodas.

Esqui alpino


No esqui alpino, foram realizadas as provas masculinas no slalom gigante, nas três classes: VI (deficientes visuais), standing (atletas com deficiências físicas que competem em pé) e sitting (atletas com deficiências físicas que competem sentados).  

O norueguês Jesper Pedersen se tornou o primeiro atleta com três ouros em Pequim 2022, após vencer a disputa da classe sitting com tempo total de 1:54.20. Pedersen também tem uma prata, totalizando quatro medalhas. A prova teve o melhor resultado da história da América Latina na história dos Jogos Paralímpicos de Inverno, com o argentino Enrique Plantey ficando em quarto lugar, pouco mais de dois segundos da medalha de bronze.

Na classe VI, o austríaco Johannes Aigner venceu a prova e também chegou a marca de quatro medalhas. São dois ouros, uma prata e um bronze para o atleta da Europa Central. Já o título da classe standing foi decidido no detalhe. Santeri Kiiveri, da Finlândia, superou Thomas Walsh, dos EUA, por apenas quatro centésimos de segundo.

Slalom gigante - VI masculino:
1. Johannes Aigner (AUT) 1:49.34
2. Giacomo Bertagnolli (ITA) 1:51.02
3. Miroslav Haraus (SVK) 1:54.92

Slalom gigante - standing masculino:
1. Santeri Kiiveri (FIN) 1:55.40
2. Thomas Walsh (USA) 1:55.44
3. Arthur Bauchet (FRA) 1:55.89

Slalom gigante - sitting masculino:
1. Jesper Pedersen (NOR) 1:54.20
2. Rene de Silverstro (ITA) 1:57.50
3. Liang Zilu (CHN) 2:00.92

Curling em cadeira de rodas 


Atletas chineses comemorando. Todos estão em suas cadeiras de rodas, vestem uniformes brancos e erguem os braços
Equipe da China comemora vitória em jogo contra a Noruega. Time do país liderou a primeira fase - Foto: Jeffey Au/WCF

Nesta quinta, foram disputadas as últimas partidas da primeira fase do curling em cadeira de rodas. As semifinias foram definidas e os confrontos serão: China x Canadá e Eslováquia x Suécia. Veja abaixo os resultados das rodadas finais:

Resultados 10/03 - curling em cadeira de rodas:
Canadá 7 x 6 Noruega
China 6 x 3 Grã-Bretanha
Eslováquia 8 x 6 Suíça
Suécia 10 x 7 Estados Unidos
Suíça 6 x 8 Estônia
Coreia do Sul 6 x 7 Estados Unidos
Grã-Bretanha 8 x 4 Letônia
Letônia 2 x 9 China
Coreia do Sul 10 x 4 Suécia
Eslováquia 7 x 6 Estônia

Foto de capa: Li Ga/Xinhua

Postar um comentário

To Top