Bruna Takahashi e Vitor Ishiy são eliminados nas quartas das duplas mistas do WTT Contender em Omã


A dupla mista do Brasil, Bruna Takahashi/Vitor Ishiy, lutou demais e fez uma partida acirradíssima contra os adversários das quartas de final, mas não conseguiu o resultado que precisava para alcançar o pódio do WTT Contender de Mascate, em Omã. Nesta quinta-feira (2), os brasileiros foram batidos por 3 sets a 2 pelos indianos Manav Thakkar e Archana Kamath (sexta melhor parceria da competição e 32ª melhor do mundo) e, com isso, se despediram do torneio.

Os representantes do Brasil deram muito trabalho aos adversários. O embate, que teve de ir ao quinto set para ser decidido, começou a ser construído nas duas primeiras parciais, garantidas pelos asiáticos: 11 a 6 e 11 a 7.

Bruna e Ishiy se recuperaram e encaixaram dois bons sets em sequência. O terceiro terminou em 11 a 8 para o combinado brasileiro, enquanto o quarto foi finalizado em 13 a 11 para a terceira melhor dupla da competição.

A recuperação dos mesa-tenistas do Brasil não permaneceu na última parcial. Nela, Thakkar e Kamath se impuseram e fecharam o set em 11 a 8 e a partida em 3 a 2.

Ishiy, que já havia previsto uma partida complicada e elogiado o controle de bola e a devolução dos oponentes na véspera do confronto, analisou o encontro nas quartas de final.

“Começamos perdendo de 2 a 0, acho que não conseguimos aproveitar nossas oportunidades. Depois tivemos que arriscar um pouco mais e conseguimos chegar no 2 a 2. Infelizmente, não conseguimos manter no último set”, lamentou o brasileiro.

Próximo desafio


A participação dos brasileiros em Omnã está encerrada e o olhar volta-se para Singapura, onde será realizado o WTT Grand Smash, a partir do dia 11. 

Trata-se de uma das principais competições do calendário, que será disputada pela primeira vez neste ano. Serão sete atletas do país na disputa: Bruna Takahashi, Caroline Kumahara, Eric Jouti, Gustavo Tsuboi, Hugo Calderano, Thiago Monteiro e Vitor Ishiy.

Postar um comentário

To Top