Surto Lista: Porta-bandeiras do Brasil nos Jogos Olímpicos de Inverno


O Comitê Olímpico do Brasil (COB) anunciou na última segunda-feira (31) os porta-bandeiras do Time Brasil nos Jogos Olímpicos de Inverno Pequim 2022. Assim como em Tóquio-2020, o Brasil terá uma dupla na função: Jaqueline Mourão do esqui cross-country e Edson Bindilatti do bobsled. Ambos foram escolhidos pela segunda vez. Nesse Surto Lista, elencamos todos os porta-bandeiras do Brasil em Olimpíadas de Inverno.


Albertville 1992 - Hans Egger - esqui alpino

Foto: Reprodução/Olympic Channel
Hans Egger competiu na primeira Olimpíada de Inverno que o Brasil participou. Seu melhor resultado foi o 48º lugar no slalom, sua especialidade no esqui alpino.

Lillehammer 1994 - Lothar Christian Munder - esqui alpino

Foto: Reprodução/Olympic Channel
Lothar Munder participou dos Jogos de Albertville-1992 ficando em 41º lugar no downhill e em 55º no slalom super-gigante. Em Lillehammer-1994, foi o único representante do Brasil, ficando em 50º lugar no downhill.


Nagano 1998 - Marcelo Apovian - esqui alpino

Foto: Reprodução/Olympic Channel
Marcelo Apovian participou de dois Jogos Olímpicos no esqui alpino (1992 e 1998). Em Albertville, ficou em 73º lugar no slalom gigante e em 76º no slalom super-gigante. Em Nagano, foi o único representante do Brasil e ficou em 37º lugar no super-G.


Salt Lake City 2002 - Mirella Arnhold - esqui alpino

Foto: Reprodução/OlympicChannel
Mirella Arnhold competiu em duas Olimpíadas, sempre no slalom gigante. Ficou em 48º lugar em Salt Lake City-2002 e em 43º em Turim-2006.

Turim 2006 (foto de capa) e Vancouver 2010 (foto abaixo) - Isabel Clark - swnowboard

Foto: Jude Freeman via Wikimedia Commons
Isabel Clark é a dona do melhor resultado do Brasil em Jogos Olímpicos de Inverno. A carioca ficou em nono lugar no snowboard cross em Turim-2006. Ela também participou dos Jogos Olímpicos em Vancouver-2010, Sochi-2014 e Pyeongchang-2018.


Sochi 2014 - Jaqueline Mourão - esqui cross-country e biatlo

Foto: AP
Jaqueline Mourão é a brasileira com mais participações olímpicas: oito no total. Ela competiu em três Jogos de verão (Atenas-2004, Pequim-2008 e Tóquio-2020) no ciclismo moutain bike e em cinco Jogos de Inverno (Turim-2006 a Pequim-2022), sempre competindo no esqui cross-country. Em Sochi-2014, ela foi escolhida ao ser a primeira brasileira a participar de dois esportes em uma mesma Olimpíada de Inverno, competindo também no biatlo naquela edição.

Pyeongchang 2018 - Edson Bindilatti - bobsled

Foto: Mark Ralston/AFP
Edson Bindilatti está indo para sua quinta participação olímpica em Pequim, tendo participado de todas as vezes que o bobsled brasileiro se classificou. Desde Sochi-2014 ele é o piloto do Brasil na "Fórmula 1 do gelo".

Pequim 2022 - Jaquelino Mourão - esqui cross-country e Edson Bindilatti - bobsled

Foto: Alexandre Castello Branco/COB
Foto de capa: Reprodução/Instagram/Isabelclarksnow

Postar um comentário

To Top