Marcelo Melo e Ivan Dodig vencem e buscam vaga em mais uma final no ATP 250 2 em Adelaide


Com uma vitória de virada, Marcelo Melo e Ivan Dodig estão na semifinal do ATP 250 de Adelaide, na Austrália, e vão em busca da vaga em mais uma final na cidade australiana. Na madrugada desta quinta-feira (13), o mineiro e o croata – cabeças de chave número 2 – derrotaram o mexicano Santiago Gonzalez e o argentino Andres Molteni (cabeças 7), por 2 sets a 1, parciais de 3/6, 6/4 e 10-8, em 1h25min.

Na próxima rodada, na madrugada desta sexta-feira (14), às 2h30 (horário de Brasília), Melo e Dodig enfrentam, valendo um lugar na decisão, o holandês Wesley Koolhof e o britânico Neal Skupski (cabeças 3), que venceram o alemão Oscar Offe e o francês Benait Paire por 6/4 e 1/0 (RET). No primeiro ATP 250 na cidade, na semana passada, o mineiro e o croata foram vice-campeões.

“Um jogo hoje muito apertado, contra uma dupla que vem jogando muito bem. Tínhamos jogado contra eles em Estocolmo, no ano passado, acabamos perdendo. Então, sabíamos que ia ser difícil o jogo. Eles começaram melhor. Nós aproveitamos uma chance que tivemos de quebra, no segundo set, e depois fomos superiores no match tie-break, onde levamos vantagem”, explicou Marcelo.

“Foi importante essa vitória hoje. Agora, mais um jogo amanhã (sexta) e seguimos nesse ritmo, jogo a jogo. Está sendo muito bom e muito importante para nós”, completou.

Mais um match tie-break - Os adversários venceram o primeiro set após conseguirem uma quebra logo no segundo game e, com a vantagem, marcarem 6/3. No segundo set foi a vez de Melo e Dodig ganharem, com um único break, no décimo game, fechando em 6/4 e levando o jogo para o match tie-break. Assim como no dia anterior, os cabeças de chave impuseram o seu favoritismo no momento decisivo da partida e fizeram 10-8 para dar mais um passo em Adelaide.

Agora, já são cinco vitórias na Austrália – duas nesta e três na semana passada no primeiro ATP 250 em Adelaide. Os dois ATP 250 – Adelaide International –, que abrem o circuito, são preparatórios para o Australian Open.

Foto: Divulgação

0 Comentários