Thomas Bach diz que vai decidir sobre o futuro do boxe e do levantamento de pesos em Paris 2024 o mais rápido possível - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Thomas Bach diz que vai decidir sobre o futuro do boxe e do levantamento de pesos em Paris 2024 o mais rápido possível

Compartilhe

Em entrevista ao jornal francês L'Equipe nesta quinta-feira (28), o presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, disse que espera decidir sobre o futuro do boxe e do levantamento de pesos nos Jogos de 2024 o mais rápido possível.

O alemão disse que: "Estamos muito preocupados com essas duas federações, que estão com sérios problemas de governança e é por isso que as estamos monitorando bastante de perto."

"Tomaremos uma decisão sobre elas o mais rápido possível, de acordo com o melhor interesse dos atletas", completou Bach.

Ambas as federações, Federação Internacional de levantamento de pesos (IWF) e a Associação Internacional de boxe (AIBA), tem tido problemas de governança e o futuro das modalidades está por um fio.

Recentemente, uma investigação na disputa de boxe do Rio 2016 identificou riscos potenciais de manipulação de resultados em 11 lutas, enquanto inúmeros casos de doping vem afligindo o levantamento de pesos, além de uma falta de mudança de cultura.

Não haverá novos esportes em Paris


Mesmo com uma suposta saída do boxe e do levantamento de pesos do programa olímpico, não serão incluídas novas modalidades em 2024. O caratê, que esteve presente em 2020, ainda tenta ser incluído no programa de Paris.

Bach falou que: 'o processo de alocação dos esportes foi transparente e terminou antes dos Jogos de Tóquio e seria complicado reabrir todo o processo novamente."

"Não estou falando apenas do caratê, pois existem outras federações com esperanças."

"O Comitê organizador precisa ter segurança para preparar melhor os locais de competição e a logística", completou o presidente do COI.

Foto: Gonzalo Fuentes/REUTERS

Nenhum comentário:

Postar um comentário