Pliskova dispara 24 aces, vence jogaço contra Anisimova no tiebreak e avança no US Open - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Pliskova dispara 24 aces, vence jogaço contra Anisimova no tiebreak e avança no US Open

Compartilhe
A tenista Karolina Pliskova rebate uma bola de forehand, segurando a raquete com o braço direito

Em uma das melhores partidas da semana no US Open, a ex-número 1 do mundo, Karolina Pliskova venceu a atleta da casa, Amanda Anisimova (75ª), por 2 sets 1, com parciais de 7-5, 6-7 (5) e 7-6 (7), garantindo sua vaga na 3ª rodada do Major estadunidense. Mas para triunfar, Pliskova precisou disparar 24 aces, um recorde durante uma partida na chave de simples feminino no US Open.


A tenista tcheca, atual número 4 do ranking mundial, precisou de 2h21 para triunfar pela 22ª vez no torneio em sua carreira e superar a campanha feita em 2020, quando caiu ainda na segunda rodada, diante da francesa Caroline Garcia.

Vice-campeã em 2016, Pliskova encara na próxima fase do torneio, a tenista australiana Ajla Tomljanovic (46ª). Elas já se enfrentaram em seis oportunidades no circuito, sendo que a atleta da República Tcheca perdeu apenas o primeiro confronto da série, no WTA de Clearwater, em 2011.


O jogo

Desde o início as tenistas deram demonstrações de que esta poderia ser uma partida equilibrada. E mesmo quando ocorreu a primeira quebra de serviço do jogo, no sétimo game, a favor de Anisimova, esse caminho parelho foi percorrido. Pliskova devolveu a quebra logo em seguida e venceu o set após pressionar muito o saque da adversária no 12º game, fechando a parcial em 7-5.


A partir disso a torcida estadunidense começou a se manifestar no jogo, dando força e empurrando Anisimova para cima da adversária mais experiente. Mesmo com belos winners, a jovem tenista não conseguia fazer pressão no saque da tenista tcheca, o que levou a decisão ao tiebreak.

No desempate, Pliskova sucumbiu com duas duplas-faltas e viu Anisimova ganhar força e levar o jogo ao terceiro e decisivo set, inflamando a torcida nas arquibancadas.


A terceira parcial seguiu equilibrada e durante dez games, ninguém conseguiu ameaçar o saque da oponente. Até que Pliskova obteve os primeiros break points do set, que foram salvos por Anisimova no 11º game.

Mais uma vez um set foi levado ao tiebreak. Empurrada pelo público da quadra Arthur Ashe, Asnisimova mais uma vez disparou winners e abriu 5-2, ficando a dois pontos da vitória. Ainda assim, Pliskova reverteu a situação e venceu a partida, com 9 a 7 no desempate da terceira parcial.


Pliskova ganhou 78% dos pontos jogados com o primeiro serviço, anotou 24 aces e 39 bolas vencedoras. Anisimova perdeu, mas deixou boas impressões em quadra, com seus 44 winners e 82% de aproveitamento em subidas à rede (9 de 11). O que pesou contra a estadunidense foi o excesso de erros não-forçados, 44 ao todo, cinco a mais que a adversária.

Foto: Darren Carroll/USTA

Nenhum comentário:

Postar um comentário