Marcus D'Almeida termina fase de ranqueamento do Mundial de tiro com arco na segunda colocação - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Marcus D'Almeida termina fase de ranqueamento do Mundial de tiro com arco na segunda colocação

Compartilhe
Marcus Vinicius D'Almeida no Mundial de tiro com arco


O brasileiro Marcus Vinicius D'Almeida começou muito bem o Mundial de tiro com arco, disputado em Yankton, nos Estados Unidos. Ele fez uma ótima prova nesta terça-feira (21) e alcançou o segundo lugar no ranqueamento do arco recurvo, com 670 pontos, ficando atrás apenas do sul-coreano Kim Woojin. Outros cinco brasileiros também entraram em ação no dia.


A fase de ranqueamento serve para definir as posições de cada atleta no chaveamento. Com o ótimo desempenho, Marcus entrará diretamente na terceira rodada do mata-mata, o que garante grandes chances de um ótimo resultado. O melhor resultado do Brasil em Mundiais de tiro com arco é do próprio Marcus, com um nono lugar em 2019.


Em 72 disparos, Marcus alcançou o dez em 31 oportunidades, e em nove vezes acertou "na mosca", ou seja, no centro do alvo. Nesta prova, o Brasil ainda contou com a participação de Marcelo Costa, 40º marcando 638 pontos, e Bernardo Oliveira 84ª com 613 pontos. 


"Aconteceu, não sei como explicar”, disse Marcus. “Eu me concentrei em mim mesmo. Não é o alvo, não é sobre o evento. Porque o vento não é fácil. Não foi fácil hoje".


"Estou muito, muito animado. Mas hoje não é sobre qualificação. É sobre o campeonato mundial. Quero ir bem na competição, não apenas nas classificações. Acho que essa é a diferença entre grandes atletas e maus atletas. Se você não vir o resultado desejado, continue. Continue empurrando até conseguir o que deseja" continuou o atleta.


Somadas as pontuações dos três, o Brasil ficou com 1.921 pontos, sendo o nono melhor país na disputa por equipes masculinas. O time chegou a aparecer na segunda colocação ao longo da fase de ranqueamento, mas caiu de rendimento no final. A equipe entrará em ação na primeira rodada do mata-mata, contra a Guatemala.


O primeiro colocado do individual masculino foi o sul-coreano Kim Woojin com 677 pontos. Kim, Marcus e outros seis integrantes do top-8 entram na terceira rodada como bye. Já na primeira rodada, Marcelo enfrenta o canadense Eric Peters, enquanto Bernardo duelará contra o turco Mete Gazoz, campeão olímpico em Tóquio-2020.


Entre as mulheres, Ane Marcelle foi a 35ª com 608 pontos, Ana Machado ficou em 45º com 601 e Sarah Nikitin terminou no 51º lugar, com 596. A líder foi a sul-coreana An San, ouro em Tóquio, com 646 pontos, seguida pela mexicana Alejandra Valencia, com 644.


Na primeira rodada do individual, Ane vai enfrentar Mashail Alotaibi (KSA), Ana competirá contra Jindriska Vaneckova (CZE) e Sarah ficará frente a frente com Ines de Velasco (ESP). Com a soma das três brasileiras, a equipe feminina fez 1.805 pontos e ficou na 14ª colocação, enfrentando o Canadá na primeira rodada.


Além disso, Marcus e Ane representarão o Brasil na chave de equipes mistas. Com 1.278 pontos, a dupla ficou em sétimo lugar no ranqueamento, garantindo bye na primeira rodada do mata-mata. As disputas do Mundial vão até o próximo domingo, dia 26 de setembro, e têm transmissão da World Archery no YouTube.


Foto em destaque: Arquivo/Julio Cesar Guimarães/COB

Nenhum comentário:

Postar um comentário