Treinadores envolvidos no caso Krystsina Tsimanouskaya perdem credenciais olímpicas

 


O Comitê Olímpico Internacional, fez um comunicado dizendo que excluiu os dois treinadores de Belarus envolvidos no caso da velocista Krystsina Tsimanouskaya.

Segundo o COI as credenciais de Artur Shimak e Yury Maisevich foram canceladas e foi prontamente solicitados que ambos deixassem a Vila Olímpica.

Shimak e Maisevich continuaram a ter contato com atletas desua equipe, mesmo depois que o COI os ligou ao caso da velocista que foi colocada em um carro e foi levada ao aeroporto para ser enviada de volta ao país.

Foto: Divulgação

0 Comentários