Na despedida do caratê do programa olímpico, iraniano vai a nocaute, mas leva o ouro - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Na despedida do caratê do programa olímpico, iraniano vai a nocaute, mas leva o ouro

Compartilhe

Feryak Abdelaziz (EGY) e Sajjad Ganjzadeh (IRI) ganharam neste sábado (7), em Tóquio, os dois últimos ouros do caratê como parte do programa olímpico.


O esporte não foi escolhido para estar no programa olímpico de Paris 2024 e, no momento, não tem previsão sobre a escolha de Los Angeles 2028 para os esportes que serão escolhidos como cidade-sede.


Na categoria até 61kg feminina, Ablelaziz e a sua rival na final, Irina Zaretska (AZE) perderam apenas uma partida cada na fase de grupos. Na semifinal eliminaram Gong Li (CHN) e Sofya Berultseva (KAZ) respectivamente, que ficaram com o bronze. Na disputa do ouro, a egípcia ganhou por 2-0.


Já na categoria acima de 75kg masculina, Ganjzadeh enfrentou Tareg Hamedi (KSA) na decisão. Pela fase semifinal, eles venceram Araga Ryutaro (JPN) e Ugur Aktas (TUR) respectivamente. No confronto decisivo,  o saudita, que vencia o confronto, acertou o pescoço de Ganjzadeh. O iraniano foi levado de maca com uma mascara de oxigênio. Os juízes se reuniram e decidiram pela desclassificação de Hamedi.


Ganjzadeh voltou andando normalmente para receber a medalha de ouro no pódio.


Foto: REUTERS/Annegrete Hilse

Nenhum comentário:

Postar um comentário