Luisa Stefani fica com vice-campeonato nas duplas em 1º torneio após o bronze olímpico - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Luisa Stefani fica com vice-campeonato nas duplas em 1º torneio após o bronze olímpico

Compartilhe

Em seu primeiro torneio após a conquista da medalha de bronze nas duplas femininas em Tóquio 2020, a tenista brasileira Luisa Stefani obteve um bom resultado neste domingo (08). Jogando ao lado de sua nova parceira, a canadense Gabriela Dabrowski, a atleta paulistana ficou com o vice-campeonato do WTA 500 de San Jose, disputado em quadras duras.

A dupla foi derrotada pela parceria entre a croata Darija Jurak e a eslovena Andreja Klepac, por 2 sets a 0, com parciais de 6-1 e 7-5, em 1h11 de partida. Esse é o quarto vice-campeonato de Luisa em 2021.

Luisa, que faz aniversário na próxima segunda-feira (9), ficou com o vice nos WTA’s 500 de Abu Dhabi e Adelaide, além do WTA 1000 de Miami, todos jogando ao lado da estadunidense Hayley Carter, que está lesionada e só volta às quadras em 2022.

O jogo

Jurak e Klepac foram avassaladoras na primeira parcial, ao conquistarem três quebras de serviço em dez oportunidades obtidas, para vencerem por 6-1. O sucesso foi tão grande que a dupla quase ganhou o dobro de pontos que Luisa e sua parceira Gabriela Dabrowski (27 a 14).

No segundo set, a dupla da brasileira elevou o nível e chegou a ficar duas vezes à frente no placar, com duas quebras de saque obtidas. Porém, a parceria da croata com a eslovena retomou o poder no jogo, sempre devolvendo as quebras logo em seguida.

Já no 12º game, que poderia encaminhar para um possível tiebreak no segundo set, Jurak e Klepac voltaram a quebrar a dupla da brasileira, que acabou sucumbindo. O equilíbrio nesta parcial foi tão grande, que as duas duplas fizeram 33 pontos. Mas a vitória ficou mesmo com a croata e a eslovena, que fecharam o set em 7-5.

Luisa Stefani e Gabriela Dabrowski voltam à quadra na terça-feira (10), na estreia pelo WTA 1000 do Canadá, em duelo contra a alemã Julia Wachaczyk e a tcheca Renata Voracova.

Foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário