Dois remadores russos são desconvocados dos Jogos após testarem positivo para Meldonium - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Dois remadores russos são desconvocados dos Jogos após testarem positivo para Meldonium

Compartilhe

 


Os remadores russos Nikita Morgachev e Pavel Sorin foram retirados do equipe russa após serem pegos nos testes anti-doping. A suspensão foi anunciada nesta quarta (7) por oficiais russos. Segundo o presidente da federação russa de remo, Alexei Svirin, eles testaram positivo para a substância Meldonium no dia 17 de junho, durante um período de treinamentos. Morgachev iria para sua quarta participação em Jogos Olímpicos, enquanto Sorin iria estrear no evento.


O Meldonium trata arritmias, diminui as chances de infarto e também pode tratar diabetes, motivo pelo qual Maria Sharapova usava até ser pega no doping em 2016, ano no qual a substância foi banida pela WADA (Agência Mundial Antidoping). A substância ajuda na performance dos atletas, ao melhorar a oxigenação periférica e assim aumentar a resistência física de quem faz seu uso. A venda da droga é proibida no Brasil.


O presidente do Comitê Olímpico Russo (ROC), Stanislav Pozdnyakov, disse que os atletas serão substituídos antes do anúncio oficial da equipe olímpica de remo. Em Tóquio, devido a suspensão do país pelo esquema estatal de doping, os atletas irão competir sob a bandeira do ROC e em caso de medalha de ouro será tocado a obra  "Concerto nº2" de Tchaikovsky.


Foto em destaque: Ralf Hirschberger/ DPA-Zentralbild


Nenhum comentário:

Postar um comentário