Daniel Cargnin perde para japonês e vai disputar o bronze em Tóquio - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Daniel Cargnin perde para japonês e vai disputar o bronze em Tóquio

Compartilhe

Depois de vencer três lutas preliminares, incluindo o número um do mundo, o brasileiro Daniel Cargnin foi derrotado na semifinal da categoria até 66kg pelo japonês Abe Hifumi, por ippon, e vai disputar o bronze em Tóquio-2020. Ele vai enfrentar o israelense Baruch Shmailov, ainda na manhã deste domingo (25), por volta das 07h. Abe vai encarar o georgiano Vazha Margvelashvili na final.


Recheado de expectativas, o combate semifinal foi bem disputado, mas durou pouco. O brasileiro não se intimidou com o favoritismo do japonês, dono de dois títulos mundiais, e tentou encaixar sua pegada desde o primeiro instante. No entanto, Abe se defendeu bem e, na primeira oportunidade, atacou Cargnin, derrubando-o com um ippon.


Número 13 do mundo, Cargnin já havia vencido três lutas na madrugada, disputadas mais cedo no Nippon Budokan. Agora, ele precisará derrotar Shmailov para ficar com a medalha de bronze e faturar o primeiro pódio do judô brasileiro em Tóquio. O brasileiro tem 23 anos e já foi campeão mundial júnior, tendo também no currículo uma prata nos Jogos Pan-Americanos de Lima.


A família Abe está em festa neste domingo. Isto porque além de Hifumi, sua irmã, Abe, que também é judoca, se garantiu na final da categoria até 52kg. Ela enfrentará a francesa Amandine Buchard logo mais. Curiosamente, os dois brasileiros do dia, Daniel Cargnin e Larissa Pimenta, foram eliminados pelos irmãos. Pimenta foi derrotada logo na segunda rodada.


Foto de capa: Gaspar Nobrega/COB

Nenhum comentário:

Postar um comentário