Chama olímpica chega em Tóquio para parte final do revezamento - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Chama olímpica chega em Tóquio para parte final do revezamento

Compartilhe



Nesta sexta-feira, dia 9 de julho, há exatas duas semanas antes da cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, a chama olímpica chegou na capital japonesa. Ainda na ressaca da decisão que não haverá público nas arquibancadas de Tóquio e demais cidades da região metropolitana, a cerimônia foi discreta. 


Assim como nas cerimônias de início do revezamento na Grécia em março de 2020 e mesmo o retorno do evento no Japão, em março de 2021, o discurso da governadora Koike Yuriko no Parque Olímpico Komazawa fez referências mais abstratas em respeito ao espírito olímpico.


"Devido ao impacto do novo coronavírus, foi muitas vezes impossível carregar a chama em vias públicas. Mas, superando a difícil situação com fortes desejos emanando da população por todo o país e de inúmeros jeitos, uma forma de esperança surge com essa conexão", afirmou.


"Gostaria que todos que carregassem a tocha em Tóquio depositassem seus sentimentos respectivos dentro da chama e certamente tal esforço conectará no Estádio Olímpico", afirmou a governadora, que entregou a tocha ao jogador de tênis Matsuoka Shuzo, top50 do ranking em 1992 e quadrifinalista de Wimbledon em 1995.


O revezamento que levaria a tocha a vários locais turísticos da sede olímpica foi repaginado e praticamente não acontecerá mais em vias públicas da capital, se limitando na maior parte dos dias a eventos específicos em várias das cidades que compõem a Prefeitura de Tóquio.

Foto: Takahashi Ryusei / Japan Times
Foto

Nenhum comentário:

Postar um comentário