Bicampeão mundial no salto com vara, Sam Kendricks testa positivo para Covid-19 e está fora da Olimpíada - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Bicampeão mundial no salto com vara, Sam Kendricks testa positivo para Covid-19 e está fora da Olimpíada

Compartilhe
Estados Unidos atletismo salto com vara

O atletismo não contará com uma de suas principais estrelas na Olimpíada de Tóquio. O norte-americano Sam Kendricks, bicampeão mundial no salto com vara, testou positivo para Covid-19 e está fora dos Jogos. Bronze na Rio-2016, ele era favorito ao pódio na prova. O Comitê Olímpico dos Estados Unidos (USOC) confirmou a exclusão do atleta no começo desta quinta-feira (29).


"Estamos tristes em confirmar que Sam Kendricks testou positivo para Covid-19 e não vai competir nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. Em alinhamento com as regras locais e protocolos, ele foi transferido para um hotel para ser colocado em isolamento e está recebendo suporte da USATF (Federação de Atletismo dos EUA) e do USOPC (Comitê Olímpico dos EUA)", escreveu a entidade máxima do esporte olímpico norte-americano.


Kendricks foi campeão mundial em 2017 e em 2019 e faturou um bronze na Olimpíada do Rio. Em Tóquio, ele não chegava favorito ao ouro no salto com vara, já que o sueco Armand Duplantis cresceu na reta final do ciclo, mas era nome certo medalhar. Agora, com um lugar no pódio aberto, aumentam as chances do brasileiro Thiago Braz, atual campeão olímpico. A final da prova está marcada para 03 de agosto, às 07h20.


Com a ausência de Sam, a USATF pode selecionar outro atleta para substituí-lo no salto com vara. Os Estados Unidos já contam com KC Lightfoot e Chris Nilsen. Segundo a seletiva nacional, Matt Ludwig deve ser convocado. No entanto, faltando menos de uma semana para o início da  competição, será uma tarefa árdua chegar em Tóquio a tempo, cumprindo todos os protocolos de saúde impostos pelo comitê organizador.


Kendricks não é o primeiro atleta a testar positivo para o coronavírus e ficar fora dos Jogos. Alguns nomes famosos, como a neerlandesa Candy Jacobs, do skate street, o norte-americano Taylor Crabb, do vôlei de praia, e o russo Ilya Borodin, da natação. O Comitê Organizador de Tóquio-2020 já registra 193 casos com envolvidos na Olimpíada desde 1º de julho.


Foto de capa: Dylan Martinez/REUTERS

Nenhum comentário:

Postar um comentário