Rayssa Leal, Pamela Rosa e Letícia Bufoni garantem final e vaga olímpica em Tóquio - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Rayssa Leal, Pamela Rosa e Letícia Bufoni garantem final e vaga olímpica em Tóquio

Compartilhe

O skate brasileiro carimbou nesta sexta-feira (04) mais três passaportes para os Jogos Olímpicos de Tóquio, agora no street feminino. Pamela Rosa, Rayssa Leal e Letícia Bufoni confirmaram matematicamente suas vagas ao se classificarem para a final do Mundial, em Roma (ITA). Como as compatriotas Isabelly Ávila e Virgínia Fortes Águas foram eliminadas, ficando em nono e em décimo lugar na semifinal, respectivamente, as três não podem mais ser ultrapassadas no ranking mundial.


Agora, o Brasil já tem nove atletas classificados para Tóquio-2020 no skate. Na última semana, as seis vagas do park (três por naipe) já haviam sido definidas com o término do Dew Tour: Dora Varella, Isadora Pacheco e Yndiara Asp, no feminino, e Luiz Francisco, Pedro Barros e Pedro Quintas, no masculino. O skate fará sua estreia no programa olímpico este ano.


Pré-classificadas para a semifinal por serem top-5 do ranking mundial, Rayssa, Pâmela e Letícia, as "três mosqueteiras" do skate street, confirmaram seus favoritismos e tiveram uma boa performance na semifinal. Rayssa passou em primeiro, Pamela em quinto e Letícia se classificou com a última vaga, na oitava colocação.

 


Aos 13 anos de idade, Rayssa Leal fez história e vai ser a atleta olímpica brasileira mais jovem a participar das Olimpíadas. No Mundial, ela liderou toda a semifinal e ficou com 14.40, somando 7.49 pontos na primeira etapa (3.61 + 3.88) e 6.91 nas tricks (3.30 + 3.61) - ela ainda teve uma queda e dois 3.10 descartados. Com 14.24, a japonesa Nishimuri Aora foi a segunda colocada.


Líder do ranking e atual campeã mundial, Pâmela Rosa fez 12.74 pontos, quinta melhor pontuação, após somar 6.52 (3.50 + 3.02) na fase das voltas. Na segunda parte, a paulista descartou suas três quedas e somou na sua pontuação 3.06 e 3.16.


Letícia, por sua vez, passou sufoco e precisou das duas últimas notas para comemorar sua vaga na final e na Olimpíada. Após somar 6.30 nas duas voltas, a skatista esperou até os últimos momentos para conseguir ultrapassar a também brasileira Isabelly Ávila, que tinha feito 11.31 na primeira bateria Bufoni somou 2.50 e 3.00 na terceira e quarta manobras, respectivamente, para conseguir 11.80 no agregado.


Isabelly acabou na nona posição, logo a frente de Virgínia Fortes Águas, que fez 11.03 pontos. A outra brasileira na semifinal, Ariadne de Souza, foi a 25ª com 5.64. Se classificaram também as japonesas Nakayama Funa e Nishyia Moimiji, a neerlandesa Roos Zwetsloot e a norte-americana Mariah Duran.


A final feminina está marcada para domingo (06), às 08h30, no horário de Brasília. Antes, neste sábado, o Foro Itálico receberá a semifinal masculina, a partir das 07h, com participação de Kelvin Hoefler e mais cinco brasileiros, também valendo vaga olímpica. A competição tem transmissão da World Skate TV e da Red Bull TV.


Foto em destaque; Júlio Detefon

Nenhum comentário:

Postar um comentário