Brasileiros se classificam para final do Pan-Americano de Ginástica de Trampolim - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Brasileiros se classificam para final do Pan-Americano de Ginástica de Trampolim

Compartilhe

Os ginastas do Brasil tiveram um bom desempenho na qualificatória do trampolim individual no Campeonato Pan-Americano de Ginástica, disputado no Rio de Janeiro. Um dos destaques foi Camila Gomes que se classificou em primeiro lugar para a final com nota 97.625 na soma das duas apresentações.

Todas as brasileiras acertaram as suas rotinas. Na série obrigatória (F1), a melhor nota do Brasil foi de Camila Gomes, semifinalista do último Mundial. Camila conseguiu 46.750 pontos. Ingrid Maior conseguiu 45.525 pontos. Alice Gomes tirou 45.620 e Luara Rezende ficou com 44.355.

Na série livre, Ingrid fez uma ótima apresentação e conseguiu a melhor nota entre as brasileiras:52.035 pontos. Camila Gomes fez 50.875 para garantir a primeira posição geral. Alice, sua parceira na prova sincronizada, tirou nota parecida: 50.847. Luara conseguiu 48.665 pontos.

Como apenas duas ginastas por país avançam para a final, Camila e Ingrid irão competir  na disputa por medalhas, no domingo (13). Também se classificaram duas ginastas do México e duas da Argentina.


No masculino, Rayan Castro teve o melhor desempenho entre os brasileiros, se classificando para a final em segundo lugar com 106.025. O ginasta do Minas Tênis Clube acertou sua primeira série com 51.100 pontos, a melhor entre todos os atletas da competição. Já na série livre, Rayan diminui sua dificuldade para garantir a vaga  na final com 54.925.

Rafael Andrade também se classificou para a final. O representante do Brasil na Rio 2016 ficou em sétimo lugar com 102.080, mas avançou para final com a sexta melhor nota pois os Estados Unidos ultrapassaram o limite de dois atletas por país na decisão. Foram 49.245 pontos na série obrigatória e 52.835 na livre.

O Brasil também teve Cauã Rodrigues e Vinicius Celestino participando da qualificatória. Os dois ginastas estreiam na categoria sênior este ano. Eles acertaram a rotina obrigatória, mas não conseguiram concluir as suas séries livres.

Ginastas dos Estados Unidos e da Colômbia são os principais rivais do Brasil pelo título continental (que também pode valer uma vaga olímpica). Jeffrey Gluckstein (USA) terminou em primeiro lugar com 107.415 pontos. Angel Hernandez (COL) ficou em terceiro com 105.800

Finalistas trampolim individual feminino:
1. Camila Gomes (BRA) 97.625
2. Ingrid Maior (BRA) 97.560
- Alice Gomes (BRA) 96.467
3. Lucila Maldonado (ARG) 94.305
- Luara Rezende (BRA) 93.020
4. Aylin Cobos (MEX) 90.720
5. Florencia Braun (ARG) 86.780
6. Melissa Flores (MEX)76.265

Finalistas trampolim individual masculino:
1. Jeffrey Gluckstein (USA) 107.415
2. Rayan Castro (BRA) 106.025
3. Angel Hernandez (COL) 105.800
4. Cody Gesueli (USA) 105.445
5. Federico Cury (ARG) 102.985
6. Rafael Andrade (BRA) 102.080
7. Julian Fonseca (COL) 99.040
8. Santiago Ferrari (ARG) 98.265
- Cauã Rodrigues (BRA) 62.800
- Vinicius Celestino (BRA) 57.330

Fotos: Ricardo Bufolin/CBG

Nenhum comentário:

Postar um comentário