Brasil vence a França sem dificuldades e está na final da Liga das Nações - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Brasil vence a França sem dificuldades e está na final da Liga das Nações

Compartilhe


O Brasil está na final da Liga das Nações! Em atuação irretocável, a seleção brasileira dominou a francesa desde o início, vencendo o jogo com um placar de 3 a 0 (25-20/25-18/25-19) sem muitas dificuldades. Com Leal imparável e um bloqueio eficiente, os brasileiros conquistaram passaporte para a final e aguardam resultado de Polônia e Eslovênia para descobrir seu adversário.


O grande destaque da partida foi o ponteiro Leal, cubano naturalizado brasileiro. Muito eficiente, o ponteiro marcou 20 pontos e foi o maior pontuador da partida. O destaque da França foi o oposto Patry, que marcou 12 vezes.

Times iniciais

O Brasil começou o jogo com Bruninho, Wallace, Leal, Lucarelli, Isac e Maurício Souza. O líbero titular foi Thales.


Já a França entrou em quadra com Chinenyeze, Patry, Tillie, Ngapeth, Le Goff, Toniutti e o líbero Grebennikov.

Como foi o jogo

O início do Basil vou avassalador, forçando Tillie, o treinador da França, a fazer seus dois pedidos de tempo do set antes dos 9 pontos no jogo. O bloqueio da seleção brasileira estava funcionando muito bem e os brasileiros abriram quatro pontos no placar, porém sofreu um grande baque na metade do set, quando o central Isac deixou o jogo devido a uma lesão. Os franceses marcaram três vezes em sequência e empataram o jogo logo em seguida em 19 pontos. Porém, os brasileiros voltaram aos trilhos, o bloqueio de Maurício Souza voltou a parar o ataque francês e a nossa seleção abriu, novamente, quatro pontos de vantagem. Nas mãos de Leal, o Brasil fechou o primeiro set com placar de 25 a 20.


Quem saiu na frente no segundo set foi a França, mas o Brasil seguiu correndo atrás e segurando a vantagem dos adversários. Uma das principais atuações desse início de jogo, Leal entrou no saque e fez incrível sequência, virando o jogo para o Brasil e abrindo quatro pontos. No início do segundo set, Leal já tinha marcado 11 pontos, com aproveitamento altíssimo. Os brasileiros aparentavam não estar incomodados com o estilo de jogo dos franceses, que não conseguia parar nossa seleção. No meio do set, a seleção brasileira já tinha aberto 17 a 12. O Brasil tomou conta do jogo a partir da metade da parcial. A França chegou a encostar em 20 a 17, mas o Brasil deslanchou na reta final do set e fechou em 25 a 18.


O Brasil seguiu bem no início da terceira parcial, mas a França melhorou. A primeira parte do set foi marcado por muito equilíbrio, sem nenhuma das duas equipes conseguir desgarrar do placar. Os times se alternaram na liderança do placar e o Brasil chegou a primeira parada técnica com 8 a 7 de frente.


As equipes seguiram trocando pontos, até que o Brasil abriu quatro de vantagem próximo à segunda parada, com 16 a 12. A França chegou a fazer dois pontos, mas o time brasileiro não deu margem para uma possível reação e voltou a 18 a 14. Seguindo o mesmo ritmo acelerado, os brasileiros dominaram completamente, anulando o atacante Ngapeth e controlando o jogo do início ao fim. Com placar de 25 a 19, o Brasil fechou o jogo por 3 a 0.


Foto: Divulgação/FIVB

Nenhum comentário:

Postar um comentário