Japão, EUA e Turquia seguem invictos depois do 3º dia da VNL; rodada tem vitória dos Países Baixos sobre a Rússia - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Japão, EUA e Turquia seguem invictos depois do 3º dia da VNL; rodada tem vitória dos Países Baixos sobre a Rússia

Compartilhe


Com a disputa da última rodada antes da primeira pausa no campeonato, o terceiro dia da Liga das Nações de Vôlei Feminino (VNL) teve três países mantendo suas invencibilidades na competição, que está sendo realizada em uma bolha na cidade de Rimini, na Itália. Com a vitória sobre o Brasil, os Estados Unidos chegaram ao terceiro triunfo em três jogos. Somente Japão e Turquia também conseguiram esse feito até aqui.

A seleção japonesa, que já havia vencido Tailândia e China por 3 sets a 0, superou a Coreia do Sul pelo mesmo placar nesta quinta-feira (parciais de 25-18, 25-18 e 27-25) e é o único time que ainda não perdeu sets no torneio. O destaque do jogo foi a ponteira Sarina Koga, que anotou 20 pontos. Do lado sul-coreano, a ponteira Kim Yeon-Koung, principal nome da equipe, marcou 11 pontos. O Japão é o próximo adversário do Brasil, em jogo marcado para o dia 31, segunda-feira, às 10h.

Já a Turquia teve mais dificuldade para vencer a Polônia. Comandadas pela jovem Ebrar Karakurt, que marcou 26 pontos, as turcas venceram por 3 sets a 1 (25-23, 25-27, 25-23 e 25-20) a seleção do leste europeu, que contou com atuações consistentes da ponteira Magdalena Stysiak (26 pontos) e da oposta Malwina Smarzek (23 pontos).

Turquia enviou seu time principal para a VNL (Foto: Reprodução/FIVB)

Com os resultados, o Japão lidera a Liga das Nações, seguido pelos Estados Unidos, que perderam um set para o Brasil e ocupam a segunda posição. A Turquia está em terceiro, com um ponto a menos que os líderes por ter precisado do tie-break para vencer a Sérvia na primeira rodada.

Seleção dos Países Baixos mostra força e vence a Rússia


A quarta posição na tabela é dos Países Baixos. A seleção neerlandesa venceu a Rússia de Goncharova por 3 sets a 1 (25-14, 25-22, 23-25 e 25-20) e chegou ao segundo triunfo na competição. A central Indy Baijens foi um nome importante para o time laranja, contribuindo com quatro bloqueios - e dezesseis pontos no total - e fechando o jogo como maior pontuadora de sua equipe.

Outros três jogos completaram a terceira rodada da VNL. No primeiro duelo do dia, a Alemanha bateu a Bélgica por 3 sets a 0. Já a China, ainda seus principais nomes, venceu a Tailândia pelo mesmo placar. Por fim, em duelos entre as equipes alternativas de Sérvia e Itália, pior para as donas da casa, que caíram por 3 sets a 1.

Agora, as seleções femininas terão três dias de descanso e de treinamentos antes de voltar a competir em mais três rodadas da Liga das Nações. A próxima partida do Brasil é contra o Japão, na segunda-feira (31), às 10h, com transmissão do SporTV2. Antes, a seleção masculina entra em ação pela primeira vez no torneio. Nesta sexta (28), os atuais campeões olímpicos enfrentam a Argentina a partir das 16h.


Foto: Reprodução/FIVB

Nenhum comentário:

Postar um comentário