Grã-Bretanha é campeã europeia do revezamento 4x100m livre e passa o Brasil no ranking da FINA - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Grã-Bretanha é campeã europeia do revezamento 4x100m livre e passa o Brasil no ranking da FINA

Compartilhe

No oitavo dia do Campeonato Europeu de Esportes Aquáticos, teve o início da disputa na natação. Além do título continental, o evento também é uma chance para que atletas ainda não classificados para Tóquio 2020 façam o índice olímpico. 

Nesta segunda (17), foram realizadas as provas dos revezamentos 4x100m livre masculino e feminino. Os tempos do Campeonato Europeu mudaram o ranking da repescagem da Federação Internacional de Natação (FINA), que define as últimas quatro equipes que se classificam para os revezamentos nos Jogos Olímpicos, com os resultados afetando diretamente o Brasil no feminino.

4x100m livre feminino
1. Grã-Bretanha 3:34.17
2. Países Baixos 3:34.29
3. França 3:35.92

A Grã-Bretanha venceu o revezamento 4x100m livre feminino com um tempo de 3:34.17, novo recorde britânico. Lucy Hope abriu a prova para o Team GB, com 53.89, quebrando o recorde escocês dos 100m livre. Os Países Baixos e a França completaram o pódio.

Com os resultados desta segunda-feira, a Grã-Bretanha assumiu a liderança do ranking de repescagem da FINA, com o Brasil caindo para a quarta colocação. Como o Europeu é o último campeonato importante antes do fechamento da lista, em 31 de maio, é provável que o tempo atual seja suficiente para a classificação olímpica das brasileiras.

Ranking repescagem 4x100m livre feminino
1. Grã-Bretanha 3:34.17 (Europeu 2021)
2. França 3:35.64 (Francês 2020)
3. Dinamarca 3:36.81 (Europeu 2021)
4. Brasil 3:38.59 (Seletiva Olímpica 2021)

4x100m livre masculino
1. Rússia 3:10.41
2. Grã-Bretanha 3:11.56
3. Itália 3:11.87

A equipe russa venceu o revezamento 4x100m livre masculino, com 3:10.41, recorde do Campeonato Europeu. Os britânicos ficaram com a medalha de prata, com novo recorde nacional. A Itália ficou com o bronze, com Alessandro Miressi abrindo 47.74, recorde italiano dos 100m livre masculino. Na disputa das últimas vagas olímpicas da prova, Suíça, Países Baixos e Sérvia melhoraram seus tempos no ranking da repescagem da FINA.

Ranking repescagem 4x100m masculino
1. Suíça 3:13.41 (Europeu 2021)
2. Sérvia 3:13.73 (Europeu 2021)
3. Países Baixos 3:13.79 (Europeu 2021)
4. Canadá 3:15.06 (Mundial 2019)

400m medley feminino
1. Katinka Hosszu (HUN) 4:34.76
2. Viktoria Mihalyvari (HUN) 4:36.81
2. Aimee Willmott (GBR) 4:36.81


Katinka Hosszu, a Dama de Ferro, venceu seu quarto título europeu nos 400m medley. A húngara dominou a prova de ponta a ponta, estando em primeiro lugar em todas as parciais. Na segunda posição, um empate entre Viktoria Mihalyvari, da Hungria, e Amiee Willmott da Grã-Bretanha.

400m livre masculino
1. Martin Malyutin (RUS) 3:44.18
2. Felix Auboeck (AUT) 3:44.63
3. Danas Rypys (LTU) 3:45.39

O russo Martin Malyutin venceu os 400m livre masculino. O nadador assumiu a liderança na virada dos 350m para assegurar a vitória. Prata para Felix Auboeck, da Áustria, e bronze pra Danas Rypys, da Lituânia.

Nesta segunda, também foram realizadas as semifinais de quatro provas. O destaque foi a disputa dos 50m costas masculino, onde Kliment Kolesnikov quebrou o recorde mundial fazendo um tempo de 23.93. 

Melhores tempos das semifinais do dia:
50m costas masculino - Klimente Kolesnikov (RUS) 23.93 RM
50m livre feminino - Pernille Blume (DEN) 24.06
100m borboleta feminino - Louise Hansson (SWE) 56.73
100m peito masculino - Adam Peaty (GBR) 57.67

Fotos: Divulgação/LEN

Nenhum comentário:

Postar um comentário