Brasil define seleções que disputarão a Liga das Nações de Vôlei; veja os relacionados - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Brasil define seleções que disputarão a Liga das Nações de Vôlei; veja os relacionados

Compartilhe

A Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) confirmou oficialmente na segunda-feira (17) os atletas que viajarão para Rimini, na Itália, para representar as seleções brasileiras de vôlei na Liga das Nações.

No masculino, a estreia do Brasil está marcada para o dia 28 de maio, em jogo contra a Argentina. Antes, o Brasil disputa três amistosos contra a Venezuela, no Rio de Janeiro, nos dias 21, 22 e 23 deste mês. A equipe brasileira, em um primeiro momento, contará com 16 atletas na bolha italiana e será comandada pelo auxiliar técnico Carlos Schwanke, uma vez que Renan Dal Zotto segue em recuperação de complicações causadas pela Covid-19.

O time terá os levantadores Bruninho e Fernando Cachopa; os opostos Wallace, Alan e Felipe Roque; os centrais Maurício Souza, Flávio, Isac e Matheus Pinta; os ponteiros Maurício Borges, Lucarelli, Leal, Douglas Souza e Vaccari, e os líberos Thales e Maique.

Campeão olímpico na Rio 2016, o central Lucão ficará de fora da primeira parte da competição para acompanhar o nascimento de sua filha no Brasil. Ele e o ponteiro João Rafael seguirão treinando no Brasil e chegarão à Itália para a reta final da competição, ocupando os lugares de Matheus Pinta e Vaccari, respectivamente.

Já a seleção feminina havia sido inscrita na competição na semana passada, mas a confirmação veio nessa segunda-feira. Ao todo, José Roberto Guimarães poderá contar com 18 jogadoras na competição, que começa três dias antes da masculina, no dia 25 de maio. O Brasil estreia contra o Canadá.

Participarão do torneio as levantadoras Dani Lins, Macris e Roberta; as centrais Carol Gattaz, Adenízia, Bia, Carol e Mayany; as opostas Tandara, Sheilla, Lorenne e Rosamaria; as ponteiras Ana Cristina, Gabi, Natália e Fernanda Garay; e as líberos Camila Brait e Nyeme.


Foto: Divulgação/FIVB

Nenhum comentário:

Postar um comentário