Jovens surpreendem em seletiva olímpica de wrestling dos EUA; finais acontecem neste sábado - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Jovens surpreendem em seletiva olímpica de wrestling dos EUA; finais acontecem neste sábado

Compartilhe


*Com Larissa de Oliveira

A Seletiva Olímpica da USA Wrestling teve início nesta sexta-feira (2) em Fort Worth, Texas com o objetivo de definir os nomes de umas das principais seleções para os Jogos Olímpicos de Tóquio. Após um dia repleto de combates, restam apenas 36 atletas para as finais que acontecem neste sábado (3), em melhor de três e definirão a Equipe Olímpica dos Estados Unidos.

15 dos 18 vencedores dos eventos de Trials, que contou com público na Dickies Arena, garantem a oportunidade de competir pela equipe dos EUA nas Olimpíadas de Tóquio 2020, pois o país já se classificou seja pelo Mundial de 2019 ou pelo Pré-Olímpico das Américas.

Os outros três vencedores (65kg livre masculino, 77kg e 130kg Greco-Romano) terão a chance de qualificar seus respectivos pesos para os Jogos Olímpicos se terminarem entre os dois primeiros na Qualificatória Mundial em Sofia, Bulgária, de 6 a 9 de maio.


Os lutadores foram posicionados na chave pelo seu histórico em Jogos Olímpicos e Mundiais. Alguns nem participaram do chamado Torneio dos Desafiantes (Challenge Tournament) da sexta e já estão na grande final do sábado. Foi o caso do mais jovem medalhista de ouro olímpico na história do wrestling americano, Kyle Snyder (97 kg livre), que só luta hoje diante de Kollin Moore, no primeiro passo em busca do bi olímpico.



A maior reviravolta aconteceu antes de qualquer combate: duas vezes campeão mundial e medalhista de bronze na Rio 2016, J’den Cox não passou na pesagem e foi eliminado de cara. O seu confronto contra Snyder era um dos mais esperados pelos fãs do esporte.

Um dos destaques da sexta foi o jovem Vito Arujau, de 21 anos, medalhista de prata no mundial juvenil de 2019, que enfrentará na final Thomas Gillman, medalhista de prata no mundial de 2017, pela vaga dos 57kg. Veja sua luta contra Daton Fix em uma das semifinais do Torneio dos Desafiantes, que lhe valeu a vaga na grande final:



Um dos destaques de hoje foi a vitória de Nick Gwiazdowski (125kg) com uma queda espetacular que levantou a arena, venceu a disputa por 11-0 sobre Garrett Ryan pelas quartas-de-final, Neste sábado, ele enfrenta Gable Stevenson pela vaga olímpica.

Já nos 74kg, Jordan Burroughs, quatro vezes campeão mundial, campeão olímpico na Londres 2012, terá um duelo difícil diante de Kyle Dake, campeão mundial em 2018 e 2019, mas no peso de 79kg e que voltou para 74kg em busca da vaga olímpica.


Na competição de estilo livre feminino, Helen Maroulis (57 kg) se tornou a primeira mulher americana a ganhar uma medalha de ouro em uma competição de luta nos Jogos Olímpicos de 2016 e enfrenta neste sábado Jenna Burkert na disputa da vaga. Burkert perdeu a mãe na semana passada e sua história de superação tem sido acompanhada de perto pela imprensa local. Nesta sexta ela venceu suas lutas de forma irretocável.

A grande história da sexta-feira na luta feminina foi a de Kylie Welker, de apenas 17 anos. Semana passada ela venceu o Last Chance Tournament (literalmente Torneio de Última Chance) nos 68kg e ganhou peso para disputar os 76kg na seletiva. Cabeça de chave 14 (entre 14 lutadoras), ela eliminou a cabeça 1 Dymond Guilford nas semifinais por 8 a 0 e passou pela cabeça 2 Victoria Francis na final do torneio Challenge desta sexta.

Ela enfrenta Adeline Gray (76 kg), a primeira americana a vencer cinco campeonatos mundiais, ainda em busca de sua primeira medalha olímpica na grande final deste sábado. “Durante uma época, ela era minha ídola. Eu trabalhei duro até que minhas ídolas tornassem-se adversárias. Então estou pronta. Muito animada”, disse a jovem ainda no colégio que complementou se sentir bem na nova categoria. “Definitivamente devo continuar nesta categoria, pois posso comer e não preciso perder peso. Me sinto ótima”.




Kennedy Blades é outra jovem de 17 anos em busca de uma posição na equipe olímpica. Fora da idade mínima para participar da seletiva em 2020, ela aproveitou a chance e desafiará a campeã mundial de 2019 Tamyra Mensah-Stock neste sábado.

A juventude também teve um belo dia nas disputas de Luta Greco-Romana em Fort Worth nesta sexta. Aos 19 anos, Braxton Amos se classificou para a final dos 97kg deste sábado e desafiará G’Angelo Hancock, medalhista de prata em Lima 2019. Amos que conseguiu vaga na Seletiva tanto na Greco-Romana quanto na livre derrotou Nicholas Boykin na final dos Desafiantes:


Cohlton Schultz, campeão mundial cadete, também está na final, e enfrenta Adam Coon, medalhista de prata no mundial de 2018.

Confira todas as finais a serem disputadas neste sábado:


Luta livre masculina

57 kg - Thomas Gilman (TMWC/ NLWC) vs. Vitali Arujau (TMWC/ Spartan Combat)
*65 kg - Joseph McKenna (TMWC/ PENN RTC) vs. Jordan Oliver (Sunkist Kids Wrestling Club)
74 kg - Jordan Burroughs (Nebraska WTC/Sunkist Kids) vs. Kyle Dake (TMWC/ Spartan Combat)
86 kg - David Taylor (TMWC/ NLWC) vs. Bo Nickal (TMWC/ NLWC)
97 kg - Kyle Snyder (Nittany Lion WC/TMWC) vs. Kollin Moore (TMWC/ Ohio RTC)
125 kg- Nick Gwiazdowski (TMWC/ Wolfpack WC) vs. Gable Steveson (Gopher Wrestling Club)

Luta Livre feminina

50 kg - Sarah Hildebrandt (New York AC) vs. Victoria Anthony (ASU RTC/Sunkist Kids Wrestling Club)
53 kg - Jacarra Winchester (Titan Mercury WC) vs. Ronna Heaton (Sunkist Kids Wrestling Club)
57 kg - Helen Maroulis (Sunkist Kids) vs. Jenna Burkert (ARMY WCAP)
62 kg - Kayla Miracle (Sunkist Kids) vs. Macey Kilty (Sunkist Kids Wrestling Club)
68 kg - Tamyra Mensah-Stock (Titan Mercury WC) vs. Kennedy Blades (Sunkist Kids Wrestling Club)
76 kg - Adeline Gray (New York AC) vs. Kylie Welker (Titan Mercury WC)

Luta Greco-Romana masculina

60 kg - Ildar Hafizov (ARMY WCAP) vs. Ellis Coleman (ARMY WCAP)
67 kg - Alejandro Sancho (U.S. Army WCAP) vs. Ryan Mango (ARMY WCAP)
*77 kg - Peyton Walsh (All-Marine Wrestling Team) vs. Jesse Porter (New York Athletic Club)
87 kg - Joe Rau (Titan Mercury) vs. John Stefanowicz (All-Marine Wrestling Team)
97 kg - G’Angelo Hancock (Sunkist Kids) vs. Braxton Amos (Wisconsin RTC)
*130 kg - Adam Coon (NYAC/CKWC) vs. Cohlton Schultz (Sunkist Kids Wrestling Club)


*Categorias em que os EUA ainda não tem vaga olímpica e disputará o pré-olímpico mundial em maio.

Surte +: Gosta de nosso trabalho? Participe da campanha em prol do jornalismo esportivo independente e Ajude o Surto Olímpico a carimbar sua vaga e estar em Tóquio!

Fotos: Jim Thrall/Mat.focus.com e Tony Rotundo / Team USA

Nenhum comentário:

Postar um comentário