Invictos até a final, Evandro e Guto saem com a prata no Katara Cup de vôlei de praia; Ágatha/Duda leva o bronze - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Invictos até a final, Evandro e Guto saem com a prata no Katara Cup de vôlei de praia; Ágatha/Duda leva o bronze

Compartilhe
Evandro e Guto na partida final do Katara Cup

O Brasil sai com a prata no torneio masculino da Katara Cup, evento 4 estrelas do Circuito Mundial de vôlei de praia. Os brasileiros Evandro e Guto - que substitui Bruno Schmidt em recuperação da Covid-19 - chegaram invictos na final, mas pararam nos thecos Perusic/Schweiner em 2 sets a 0 (21/16 e 21/19).


Os brasileiros bem que tentaram, mas a noite era dos adversários, que estavam mais conscientes na partida. A campanha brasileira contou com vitórias para cima de Kantor/Losiak (POL) e Stoyanovskiy/Krasilnikov (RUS), os atuais campeões mundiais, ainda na fase de grupos.


Nas oitavas, o triunfo foi pra cima dos suecos Ahman/Hellvig, sensações da etapa. Já nas quartas, a vitória foi a mais tranquila do torneio diante dos letões Samoilovs/Smedins. Por fim, a invencibilidade se manteve contra a dupla dos Estados Unidos, Gibb/Crabb na semi, mas foi parada na final. A medalha de prata veio na primeira parceria entre os dois, que pouco treinaram juntos para a competição.


O bronze do naipe masculino foi decidido entre os norte-americanos. Melhor para Crabb/Gibb, que ficaram com o terceiro lugar após vitória por 2 a 0, em 21/9 e 23/21, diante de Lucena/Dalhausser.


Bronze no feminino

Ágatha e Duda na disputa do bronze do Katara Cup
Foto: Divulgação/FIVB


Na competição feminina, Ágatha e Duda bateram Stockman/Kolinske (USA) por 2 a 0 (21/13 e 21/14) na disputa do bronze. Na semifinal elas perderam em um jogo bastante apertado para as campeãs mundiais Pavan/Melissa (CAN).

O ouro da etapa ficou com Alix Klineman e April Ross (USA), que derrotaram Sarah Pavan e Melissa Humana-Paredes (CAN) por 2 sets a 0, com sets de 22/20 e 21/18.


O Circuito Mundial volta em ação no mês de abril, quando a Federação Internacional programou uma bolha com três etapas em Cancún, balneário turístico do México.


Foto em destaque: Divulgação/FIVB

Nenhum comentário:

Postar um comentário