Cruzeiro ganha na Superliga de Vôlei masculino; SESI-SP e Minas também vencem - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Cruzeiro ganha na Superliga de Vôlei masculino; SESI-SP e Minas também vencem

Compartilhe



O Cruzeiro, líder da Superliga masculina de vôlei 20/21, assegurou mais uma vitória na competição. No domingo (28), a equipe mineira jogou em casa, no ginásio do Riacho, em Contagem (MG), e venceu o  Ribeirão Preto por 3 sets a 0 (25/20, 25/15 e 25/19). 

O oposto Oppenkoski, que substitui Alan, saiu de quadra premiado com o Troféu VivaVôlei. Satisfeito com a premiação individual e, principalmente, com a vitória do seu time, o oposto comentou o desempenho coletivo neste domingo.

“Estou muito feliz de poder estar jogando e conseguir substituir o Alan, que é um grande jogador. Fico feliz demais com essa oportunidade. Uma vitória como essa de hoje dá ainda mais confiança para o nosso time e vamos chegar firmes no playoff”, afirmou o jovem Oppenkoski, de 20 anos.

SESI-SP e Minas também saem com resultados positivos

Em São Paulo (SP), no Sesi Vila Leopoldina, o SESI-SP contou com Murilo atuando novamente como ponteiro e conseguiu boa vitória sobre o Itapetininga. A equipe dirigida pelo técnico Marcelo Negrão venceu por 3 a 0, com parciais de 25/20, 27/25 e 25/20.

O experiente jogador que foi eleito pela comissão técnica o melhor em quadra e foi premiado com o Troféu VivaVôlei. Outro jovem oposto se destacou neste domingo: Darlan, do Sesi-SP, maior pontuador do jogo, com 20 acertos.

Outro time mineiro saiu com a vitória neste domingo. O Minas esteve em Uberlândia (MG) e levou a melhor sobre o Uberlândia em um duelo particular entre pai e filho. Neste domingo, vitória do filho, Henrique Honorato, sobre o pai, Manoel Honorato, por 3 a 0 (25/16, 225/16 e 28/26).

Henrique Honorato foi o maior pontuador da partida, com 20 acertos, e ainda foi eleito o melhor da partida depois de grande atuação. Após o jogo, o ponteiro do Minas Tênis Clube comentou sobre o confronto especial em família.

“Fico feliz pelo desempenho da equipe. Viemos de um jogo muito abaixo do nosso padrão e sabíamos que era preciso melhorar. Treinamos muito bem ontem e entramos com uma postura melhor. Viemos para deixar tudo dentro de quadra e foi uma vitória importante para seguir no campeonato agora tão perto do playoff. Além disso, enfrentar o meu pai é muito especial Minha gratidão é enorme por tudo que ele me ensinou, não só no vôlei, mas na vida”, disse o filho.

O pai também falou sobre “O playoff está chegando e trabalhar com a segunda equipe mais jovem do país não é fácil. Além de ser treinador, tem que ser pai, psicólogo, e sabemos que é preciso investir em inteligência emocional. Mais um desafio na mina vida e tenho certeza que vamos conseguir. Fico feliz de ver o Henrique bem assim. Ele teve uma base aqui em Uberlândia e cada clube tem sua parcela de contribuição e fico muito feliz pela evolução

Nenhum comentário:

Postar um comentário