Osasco bate SESC Flamengo fora de casa na Superliga de Vôlei feminino; Praia Clube, Pinheiros e Curitiba também ganham - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Osasco bate SESC Flamengo fora de casa na Superliga de Vôlei feminino; Praia Clube, Pinheiros e Curitiba também ganham

Compartilhe



A sétima rodada do returno da Superliga 20/21 feminina movimentou na sexta-feira (12) cinco partidas. Em destaque o clássico entre Osasco e SESC Flamengo. Fora de casa a equipe paulista levou a melhor por 3 sets a 2 (25/13, 25/21, 20/25, 22/25 e 15/4), no ginásio Hélio Maurício, no Rio de Janeiro (RJ).


Além da tradicional rivalidade, o duelo serviu de confronto direto por posições na tabela. Com o triunfo desta noite o Osasco manteve a terceira posição, agora com 36 pontos somados - dois a mais que o adversário da rodada. No jogo, o destaque ficou por conta da oposto Tandara, do Osasco. Ela foi a maior pontuadora com 28 acertos e ficou com o Troféu VivaVôlei.


“Foi um jogo difícil, com certeza. Mas poderíamos ter fechado em três sets, e não soubemos aproveitar as oportunidades. Sabemos que ainda estamos longe do ideal, de onde queremos chegar. O importante é que a vitória veio para dar mais confiança ao grupo, mostrar o que a gente sabe. Quando jogamos como um grupo fomos adiante, e é assim que devemos jogar daqui para frente”, comentou Tandara.


Praia Clube, Pinheiros Brasília e Curitiba também ganham


Antes do clássico, a rodada começou no meio da tarde desta sexta-feira com a vitória do Praia Clube  sobre o São Paulo/Barueri por 3 sets a 0 (25/20, 35/33 e 25/9), na Arena Praia, em Uberlândia (MG). A ponteira do time mineiro, Fernanda Garay, foi o destaque da partida e levou o Troféu VivaVôlei de melhor em quadra.


“É uma vitória muito importante, como todas são. Tivemos um desafio muito grande no final de semana passado que foi a Copa Brasil, não saímos com o resultado esperado, mas voltar à Superliga e com resultado positivo é muito bom”, disse Garay.


O Pinheiros conseguiu importante vitória fora de casa. A equipe da capital paulista passou pelo São José dos Pinhais por 3 sets a 0 (25/17, /25/22 e 25/21), no ginásio Ney Braga, em São José dos Pinhais (PR). A central Dri Vilvert, do Pinheiros, ficou com o Troféu VivaVôlei, enquanto a ponteira Carla, da equipe anfitriã, se destacou como a maior pontuadora ao marcar 21 vezes.


No Sesi Taguatinga, em Brasília (DF), o Brasília venceu o Fluminense por 3 sets a 1 (25/18, 26/24, 18/25 e 25/19). A oposto do time do Distrito Federal, Ariane, foi a maior pontuadora com 23 acertos, enquanto a central Aline levou o Troféu VivaVôlei.


Em São Caetano do Sul (SP), mais um jogo com vitória para o lado visitante. O Curitiba superou o São Caetano  por 3 sets a 1 (25/15, 25/22, 20/25 e 25/15), no Lauro Gomes. A líbero Juju Perdigão, do clube paranaense, foi escolhida a melhor em quadra e ficou com o Troféu VivaVôlei.


A rodada se encerra neste sábado (13) com o duelo entre o líder Minas e o SESI Bauru , às 21h30, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG).


Foto: CRF


Nenhum comentário:

Postar um comentário