Victor Colonese recebe bronze do Pan de Lima 7 meses após desclassificação de argentino na maratona aquática - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Victor Colonese recebe bronze do Pan de Lima 7 meses após desclassificação de argentino na maratona aquática

Compartilhe


Em cerimônia realizada nesta sexta (29) na Unisanta-SP, o nadador de maratonas aquáticas Victor Colonese recebeu a medalha de bronze da prova de 10km dos jogos Pan-americanos de 2019 disputados em Lima (PER).

Colonese herdou a medalha de bronze nos 10km após a desclassificação do argentino Guillermo Bertola, medalha de prata na prova, que cometeu uma infração nas normas de controle antidopagem da Federação Internacional de Natação (FINA) e teve todos os resultados conquistados entre 2018 e 2019 anulados. A decisão foi confirmada no dia 1° de julho de 2020, após o COB receber um comunicado oficial da Panam Sports, avisando que Colonese, quarto na prova, herdaria o bronze.

“É um momento único na minha carreira. Estou muito feliz com tudo: o evento, a cerimônia, a medalha. Fui o único a ter recebido esse bronze, mas por trás de tudo tem uma equipe gigante ao meu redor, trabalhando por mim. Essa medalha também é da minha família, do meu clube e dos meus patrocinadores”, celebrou Colonese.

Com mais essa conquista, o Brasil volta a ter 169 medalhas em Lima 2019: 54 ouros, 45 pratas e 70 bronzes. Foram três pódios nas maratonas aquáticas: além do bronze de Colonese, Ana Marcela Cunha foi campeã da prova feminina e Viviane Jungblut, terceira colocada. Colonese ainda igualou o conterrâneo Allan do Carmo, bronze no Rio 2007, como segundo atleta masculino a conquistar uma medalha na modalidade em Jogos Pan-americanos.


Foto:COB/divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário