Atletas da natação retornam aos treinos no CT Paralímpico com foco nos Jogos de Tóquio - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Atletas da natação retornam aos treinos no CT Paralímpico com foco nos Jogos de Tóquio

Compartilhe

Foto: Alê Cabral/CPB




Atletas da natação já retornaram aos treinamentos no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo, nesta primeira semana útil de 2021. Após realizarem os testes de Covid-19 e seguirem todos os protocolos sanitários criados pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), os nadadores foram liberados para o retorno.  





Em julho de 2020 a prefeitura de São Paulo concedeu autorização ao CPB para reabertura do CT Paralímpico para um pequeno grupo de esportistas treinarem no local.  





Desde então, são realizados semanalmente nove treinos na piscina e três na academia e, de acordo com o técnico chefe da Seleção Brasileira de natação, Leonardo Tomasello, os atletas já estão adaptados novamente à rotina de treinos e treinarão forte visando os Jogos Paralímpicos de Tóquio, marcados para o mês de agosto deste ano.  





“Vimos que os atletas precisaram, em média, de 12 semanas pós retorno para se condicionarem e começarem a treinar com qualidade. Todos já passaram por esse período e agora temos um grupo mais homogêneo no condicionamento técnico e físico. Os atletas tiveram quatro dias sem treino de piscina apenas neste fim de ano e conseguiremos recuperar rápido para seguir com o programa de treinos”, explicou.   





Na temporada 2021, os nadadores Bruno Becker (classe S2), medalhista nos Jogos Parapan-Americanos de Lima 2019, e Samuel de Oliveira (S5) também estarão entre os atletas que treinarão no CT Paralímpico.  





O curitibano Bruno Becker está animado para treinar em São Paulo. “Quero me tornar competitivo e estar bem preparado para os Jogos Paralímpicos de Tóquio. Eu tive que parar de treinar algumas vezes ao longo do ano passado, não somente pela pandemia, mas por lesão e pelos estragos no meu clube devido ao ciclone bomba em Santa Catarina. Estou confiante que com a ajuda do treinador Fabiano Quirino [técnico do CPB de atletas de classe baixa] conseguirei recuperar o condicionamento físico”, contou o nadador que nasceu com focomelia.   





Além dos treinos, está prevista para o próximo mês uma nova tomada de tempo para esses atletas, como a realizada em novembro do ano passado. O calendário nacional de competições segue suspenso devido à pandemia de Covid-19.  


Nenhum comentário:

Postar um comentário