Precoce, Jéssica Moreira compete como veterana no Brasileiro de Atletismo Sub-20 - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Precoce, Jéssica Moreira compete como veterana no Brasileiro de Atletismo Sub-20

Compartilhe





Medalha de ouro no Campeonato Pan-Americano Sub-20, disputado no ano passado em San José, Costa Rica, e recordista sul-americana da categoria nos 400 m com barreiras, a paulista Jéssica Vitória de Oliveira Moreira (Águias Guariba) surge como uma candidata natural a ser destaque do Campeonato Brasileiro Caixa Sub-20 de Atletismo, que será disputado de sexta-feira (6/11) a domingo (8/11), no Centro Nacional de Desenvolvimento do Atletismo (CNDA), em Bragança Paulista (SP).



A competição marca a retomada do calendário nacional de 2020 e terá muitos protocolos sanitários, como a ausência de público, o uso de máscaras, a aferição da temperatura corporal na entrada na instalação esportiva, entre muitas outras, que foram passadas para as equipes participantes.



Recordista brasileira também no Sub-18, a vice-campeã do Troféu Brasil Caixa de Atletismo-2019 está confiante. "Estou bem, conseguindo treinar normalmente. Participei do Troféu Bandeirantes, em outubro, em Campinas (SP), onde fui vice-campeã. Estou animada por voltar às competições”, comentou a atleta precoce, que foi a mais jovem integrante da delegação brasileira no Mundial de Doha-2019, no Catar.



Jéssica terminou a temporada do ano passado na liderança do Ranking Brasileiro Adulto, em primeiro no Sub-20 e em terceiro lugar no Ranking Mundial até 19 anos da World Atlhetics (ex-IAAF), com 55.94.



Ela estava qualificada para o Campeonato Mundial Sub-20, marcado para julho passado em Nairóbi, no Quênia, mas foi pega no contrapé com o adiamento da competição para 2021 e a quarentena causada pela pandemia da COVID-19. Nada que desanime a paulista, nascida no dia 16 de novembro de 2001, na cidade de Guariba, que fica a mais de 300 km da capital. “Estou bem perto do índice olímpico. É só melhorar algumas coisinhas que a marca sai”, disse. Seu recorde pessoal é justamente 55.94 e a marca mínima exigida para Tóquio é de 55.40. “Vou brigar pela qualificação para representar o Brasil da melhor forma.”



Além de Jéssica Vitória, o Brasileiro Sub-20 vai reunir outros cinco atletas que estavam qualificados para o Mundial de Nairóbi-2020: Lucas Conceição Vilar (SESI-SP), nos 100 m e 200 m, Caio de Almeida Teixeira (Centro Olímpico), nos 400 m com barreiras, Lissandra Campos (Instituto Vicente Lenilson), no salto em distância, e Nerisnélia de Santos Souza (ASA Sorriso), no salto triplo.



De todos os atletas qualificados, apenas Lissandra, de 18 anos, tem idade para disputar o Mundial de 2021, remarcado para Nairóbi no período de 17 a 21 de agosto, apenas uma semana após os Jogos Olímpicos de Tóquio. “Estou bem e tenho grande expectativa para o Brasileiro Sub-20. Venho treinando para essa competição com o objetivo de fazer uma boa participação”, disse a mato-grossense. Os critérios de qualificação para o Mundial de 2021 ainda não foram divulgados pela World Athletics.



Nenhum comentário:

Postar um comentário