Maior judoca paralímpico da história, Antônio Tenório chega aos 50 anos com homenagens - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Maior judoca paralímpico da história, Antônio Tenório chega aos 50 anos com homenagens

Compartilhe



Antônio Tenório da Silva, o maior judoca paralímpico de todos os tempos, vai completar 50 anos de vida no próximo sábado (24) e a Confederação Brasileira de Desportos de Deficientes Visuais (CBDV) vai fazer diversas homenagens e contar detalhes da história do dono de seis medalhas em Paralimpíadas (quatro ouros consecutivos, sendo o primeiro em Atlanta 1996, além do bronze em Londres 2012 e da prata na Rio 2016). 


A partir desta segunda e até o dia do aniversário do atleta, que nasceu em São José do Rio Preto (SP) no ano de 1970, serão reportagens relembrando a carreira de Tenório, uma edição especial do "CBDV Ao Vivo" – programa de entrevistas realizado nas nossas redes sociais – com o aniversariante, além da cereja do bolo: uma sessão cinema com o filme "B1 - Tenório em Pequim", que narra a trajetória do ouro em 2008, totalmente gratuita na página do Facebook da CBDV. 


"Ele inspirou muita gente que hoje faz o que ele faz. Em uma época na qual se contava nos dedos os judocas com deficiência que iam para o judô tentar treinar com alguém... Porque havia preconceito, atleta dizendo que tinha medo de treinar com cego, que iria machucar. Então, o Tenório rompeu essa barreira", diz o sensei Jucinei Costa, treinador da Seleção Brasileira naquele ciclo e em Atenas 2004. 


Em 2021, Tenório disputará sua sétima Paralimpíada, em Tóquio, no Japão. 


Para conferir quais são as homenagens, clique aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário