Argentina vence desafio virtual de Salto com Vara - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Argentina vence desafio virtual de Salto com Vara

Compartilhe



O Match 3 - Desafio das Alturas, uma competição feminina por equipes de salto com vara, foi realizado com sucesso na sexta-feira (23), reunindo de forma virtual jovens atletas do Brasil, Argentina e Chile. A prova foi disputada diretamente de seus locais de treinamentos, com transmissão pelas confederações envolvidas e pela CONSUDATLE, com imagens geradas pelo Canal C5SF, de Santa Fé, Argentina.


A equipe argentina, competindo em Santa Fé, foi a campeã, com 50 saltos válidos em menor tempo. As chilenas também conseguiram 50 saltos no tempo determinado em Santiago. As brasileiras alcançaram 40 saltos, em Porto Alegre, numa iniciativa para celebrar a modalidade em tempos de pandemia global da COVID-19. A prova foi disputada de um modo rápido, como as atletas competindo com oito passadas. As próprias atletas foram as responsáveis por mudar a altura do sarrafo durante a competição, sem a interferência de árbitros.


A equipe da Sogipa foi formada por Thais Lindemayer, Piettra Arjona, Thiana Machado e Fernanda Ignácio, orientadas pelo treinador José Haroldo Loureiro Gomes, o Arataca.


A Universidade Católica de Santiago contou com Javiera Moraga, Violeta Anarnaiz, Antonia Crestani, Javiera Contreras e Dominga Contreras, com o professor Jaime Wood.


Já a equipe Velocidade e Resistência de Santa Fe teve Paula Gomez Iriondo, Josefina Brunet, Aldana Garibaldi, Luciana Gomez Iriondo e Milagros Lamagni, com Maximiliano Troncoso como técnico.


A iniciativa do Desafio das Alturas foi fruto das dificuldades impostas pela pandemia e a Área de Desenvolvimento da CONSUDATLE decidiu encampar a proposta feita por treinadores de Santa Fé.


“Foi difícil fazer tantos saltos seguidos. Não estamos acostumadas com esse ritmo”, lembrou Thais Lindemayer, que aprovou a experiência. Ela e as outras atletas da Sogipa competiram de máscara.


O argentino Germán Chiaraviglio, finalista olímpico e medalhista pan-americano, comentou a competição, com a participação de Fabiana Murer, campeã mundial indoor e outdoor da especialidade, e do treinador brasileiro Elson Miranda. “A prova foi muito boa e a expectativa é fazer no final de novembro outro evento deste tipo, mas no salto triplo masculino, reunindo os melhores brasileiros, argentinos, chilenos e colombianos”, comentou Arataca.


Foto: Divulgação/SOGIPA

Nenhum comentário:

Postar um comentário