Pliskova sofre, vira jogo de mais de duas horas e avança à segunda rodada de Roland Garros - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pliskova sofre, vira jogo de mais de duas horas e avança à segunda rodada de Roland Garros

Compartilhe

 


Cabeça de chave número 2, a tcheca Karolina Pliskova não teve vida fácil na sua partida de estreia em Roland Garros. Ela precisou de 2h10 para virar o jogo contra a egípcia Mayar Sherif por 2 sets a 1, com parciais de 6-7 (9), 6-2 e 6-4


Essa foi a quarta vez seguida em que Pliskova atingiu pelo menos a segunda rodada do Major parisiense. Enquanto isso, Mayar fez sua estreia em Grand Slams, conseguindo sua vaga na chave principal após ter superado o qualificatório. 


O primeiro set da partida foi marcado por muito equilíbrio e as jogadoras permaneceram empatadas até o 11º game. Até que após muita pressão, Sherif conquitou a quebra de serviço. No entanto, Pliskova devolveu a quebnra na sequência, levando a parcial para o tiebreak. 


No desempate, novamente o jogo esteve muito equilibrado e a maior vantagem foi de apenas três pontos, quando Pliskova chegou a ter 6 a 3. Mas a tcheca não aproveitou suas oportunidades, perdeu as mini-quebras que tinha na frente e levou a virada, com a egípcia fechando o tiebreak por 11 a 9. 


Mas a partir do segundo set o jogo mudou de situação e Pliskova passou a dominar os pontos. Ela efetuou três quebras de serviço, sendo que apenas uma delas foi devolvida por Sherif. Após disparar dois aces e vencer 67% dos pontos disputados, a tenista da República Tcheca ganhou a parcial por 6-2 e empatou a partida. 


A terceira parcial também foi decidida nos detalhes. No sétimo game Pliskova pressionou muito o saque de Sherif, que cedeu seis break points para a tcheca. A tcheca aproveitou a chance, abriu vantagem no placar, e fechou o set em 6-4, garantindo sua vaga na próxima fase. 


Apesar dos cinco aces ao lonmgo do jogo, Pliskova cometeu oito duplas-faltas e cedeu cinco break points. Buscando mais lances de ataque, a tcheca teve número parecido de winners e erros não-forçados: 45 e 46 respectivamente. 


Na segunda rodada, Pliskova fará um grande duelo contra a campeã de Roland Garros em 2017, Jelena Ostapenko, que bateu a estadunidense Madison Brengle por 6-2 e 6-1. 


Foto: Reprodução/Twitter Roland Garros

Nenhum comentário:

Postar um comentário