Beatriz Haddad Maia despacha principal favorita e Ingrid Martins vira contra francesa de 16 anos nas quartas do ITF W15 de Porto - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Beatriz Haddad Maia despacha principal favorita e Ingrid Martins vira contra francesa de 16 anos nas quartas do ITF W15 de Porto

Compartilhe

Beatriz Haddad Maia Porto tênis brasil


Beatriz Haddad Maia manteve a velocidade máxima e não teve conhecimento das credenciais da britânica Katy Dunne, 328ª melhor do mundo e principal cabeça de chave do torneio, vencendo por 6-0 e 6-2 em 1 hora e 10 minutos de jogo. Ingrid Gamarra Martins segue com ótima campanha e também está na semifinal após vitória por 2 sets a 1, com parciais de 3-6, -2 e 6-1 em 1h51. 


Na semifinal do sábado Bia enfrenta a espanhola Marina Bassols Ribera (376ª), quinta cabeça de chave que superou com placar quase idêntico a japonesa Yuriko Lily Miyazaki (349ª): 6-2 e 6-0 em 1h03 de jogo. Bia precisou de quase três horas para derrotar a espanhola em três sets nas quartas de Montemor-O-Novo, primeiro torneio da gira portuguesa no dia 4 de setembro. Ingrid ainda aguarda adversária.


Apesar do placar elástico e de Bia ter total controle da partida, a vitória não foi tão fácil quanto pode se parecer. Todos os games do primeiro set foram disputados, e Bia chegou a salvar break point no segundo e quarto game, mas quebrou o serviço de Kathy nas três ocasiões possíveis. Sacando em 5-0 teve enfim facilidade e fechou o primeiro set em apenas 31 minutos.


O segundo set começou com ar de normalidade e tanto Kathy quanto Bia confirmaram seus primeiros serviços de maneira tranquila. Mas Bia voltou a mostrar superioridade e quebrou por duas vezes consecutiva o saque da adversária. Com 5-1 na frente, ela teve um match point, mas Dunne conseguiu manter seu serviço às duras penas. A brasileira não teve dificuldade para fechar o jogo em seu saque, marcando 6-2 em 39 minutos. 


Confira a partida de Bia na íntegra, com transmissão do Porto Open:



Ingrid Martins (524ª) entrou em quadra mais de uma hora antes de Bia, mas prova da maior dificuldade de sua partida, saiu praticamnte ao mesmo tempo. Só no primeiro game a francesa Oceane Babel (sem ranking, juvenil) confirmou seu saque após oito deuces. Em dois momentos do primeiro set, uma tenista quebrou e foi quebrada em seguida. No oitavo game a francesa de 16 anos quebrou e conseguiu confirmar o saque, fechando a primeira parcial por 6-3 em 45 minutos.


Ingrid conseguiu mudar a chave do jogo na volta do segundo set, quebrando Babel de 0. Apesar de ter sido quebrada logo em sequência - tal qual no primeiro set - ela logo em seguida venceu de 0 no saque da adversária novamente e manteve uma liderança confortável até nova quebra lhe garantir o set em 6-2 em 32 minutos.


Em seguida manteve o embalo e conseguiu virar um 40-15 para quebrar o saque da adversária no início do terceiro set. Ela ainda teve chance de quebra no quarto game e converteu o terceiro break point no sexto para liderar em 5-1. No último game, chegou a ter um 30-40 atrás, mas evitou a quebra e fez três pontos seguidos para definir o jogo. 


Ingrid Gamarra MArtins Porto ITF


Ingrid enfrenta a vencedora do embate entre a ucraniana Valeriya Strakhova (538ª), cabeça 4, e da finlandesa Anstasia Kulikova (384ª), que acontece neste momento. Uma vaga no final poderá colocar a brasileira no grupo das 500 melhores tenistas pela primeira vez em sua carreira no ranking a ser divulgado depois de Roland Garros, dependendo do desempenho de adversárias. 


Ainda hoje, Carolina Meligeni Alves e sua parceira espanhola Marina Bassols Ribera - advesária de Bia na semi - enfrentam a portuguesa Francisca Jorge e a espanhola Olga Parres Azcoitia em busca por uma vaga na final de duplas. Carol e Marina são as principais favoritas e Francisca e Olga formam a dupla cabeça 3 do torneio.


Fotos: Divulgação / Porto Open

Nenhum comentário:

Postar um comentário