Suécia anuncia apoio para nova geração de atletas em esportes de inverno - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Suécia anuncia apoio para nova geração de atletas em esportes de inverno

Compartilhe

De olho nos Jogos Olímpicos de Inverno de 2026 e 2030, o Comitê Olímpico Sueco (SOK) começou a investir na formação de novos atletas. O apoio a longo prazo será disponibilizado para esportistas de modalidades como patinação, curling, biatlo, bobsled e skeleton. 

Vale lembrar que os Jogos Olímpicos de Inverno de 2026 serão realizados em Milão e Cortina d'Ampezzo, duas cidades italianas. Já os Jogos de 2030 ainda não tiveram sede definida, deixando em aberto a possibilidade para a Suécia se candidatar. 

"A SOK está agora fazendo investimentos novos e de longo prazo, com objetivos para as Olimpíadas de Inverno de 2026 e 2030", declarou o gerente de operações da entidade, Peter Reinebo.

"Mais talentos terão melhores oportunidades para um bom treinamento com iniciativas especiais".

Outros esportes deverão fazer parte do projeto, de acordo com a organização. Em setembro será formado um acampamento de treinamentos para descobrir e desenvolver jovens atletas dos esportes de inverno no país.

"É importante começar investindo em nossos talentos para que eles aprendam a treinar bem, o que é necessário para que eles tenham a chance de alcançar o topo do mundo", ressaltou Wolfgang Pichler, observador de talentos da SOK. 

A Suécia é o sétimo país com maior número de medalhas nos Jogos Olímpicos de Inverno, com 57 de ouro, 46 de prata e 55 de bronze, totalizando 158 pódios. 

Entre os países da região da Escandinávia, no extremo norte da Europa, a Suécia fica atrás apenas da Noruega em número de medalhas dentro do evento. 

Foto: Divulgação/SOK

Nenhum comentário:

Postar um comentário