Saltador norte-americano Cole Walsh é punido por uso de maconha - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Saltador norte-americano Cole Walsh é punido por uso de maconha

Compartilhe

O norte-americano Cole Walsh, décimo colocado no salto com vara do último Mundial, foi suspenso por seis meses pela Agência Antidopagem Americana (USADA) após ser flagrado com tetrahidrocanabinol (THC), o principal ativo da cannabis. Ele já cumpriu a punição e está apto para competir.

De acordo com a agência, a substância foi encontrada em seu organismo após um teste realizado em 29 de janeiro deste ano, em um meeting indoor em Cottbus, na Alemanha. Na ocasião, Walsh foi o terceiro colocado, atrás do também americano Sam Kendricks e do belga Ben Broeders.

Como Walsh participou de um programa educacional sobre o uso de maconha, o período de suspensão foi reduzido em três meses.

O atleta, de 24 anos, teve todos os resultados das oito competições que competiu no período desqualificados, incluindo sua melhor marca da temporada, um 5,80m. A melhor marca de sua carreira é 5,83m, obtida no ano passado.

Foto: Kirill Kudryavtsev/AFP

Nenhum comentário:

Postar um comentário