Crispin Duenas vence segunda edição do Lockdown Knockout, competição remota do tiro com arco - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Crispin Duenas vence segunda edição do Lockdown Knockout, competição remota do tiro com arco

Compartilhe

O canadense Crispin Duenas confirmou o favoritismo e sagrou-se campeão da segunda edição do Lockdown Knockout, o torneio remoto do tiro com arco organizado pela World Archery. O medalhista de ouro no Pan de Lima venceu a mexicana Aida Roman neste domingo (21), por 7 a 1, para ficar com o título.

"Estou super feliz. Fazia muito tempo que eu não competia e sentia esse tipo de pressão", disse Duenas logo após a grande final. "Consegui recuar no quarto set e atirar com 30 confortáveis. Estou feliz. Parabéns a Aida por ótimos disparos nesta final".

Duenas teve uma campanha quase que perfeita no Lockdown Knockout. Primeiro, na fase qualificatória, conquistou 595 pontos de 600 possíveis, garantindo-se em primeiro na classificação geral. Nas quartas de final, passou pelo brasileiro Bernardo Oliveira por 7 a 1, com todas as flechas de 10 pontos. Na semifinal, venceu o neerlandês Steve Wijler por 6 a 4, com apenas uma flecha fora da marca dos 10.

A grande decisão coroou a participação de Duenas na competição, que teve, mais uma vez, um ótimo desempenho. Apenas o primeiro set acabou empatado, em 30 a 30, depois que a mexicana conseguiu um disparo de 12 (um pequeno alvo de 15mm criado especialmente para a competição). Todos os outros três sets foram vencidos pelo canadense, que conseguiu disparos perfeitos em todos eles.



Integrante da equipe olímpica canadense em três oportunidades, Duenas faturou 1.000 francos suíços (cerca de R$ 5,5 mil na cotação atual) com a vitória, enquanto Aida Roman, medalhista de prata em Londres-2012, ficou com 500 francos suíços (R$ 2,75 mil).

Cabe destacar que este torneio foi totalmente adaptado para que os participantes pudessem competir remotamente, de suas bases de treinamento. Assim, as medidas de distanciamento social impostas pelas autoridades sanitárias para combater a disseminação do coronavírus podem ser seguidas. A distância do alvo foi de 18 metros, bem abaixo dos 70 metros que é padrão das competições internacionais. 

Esta foi a segunda edição do Lockdown Knockout. A primeira, realizada em maio, reuniu oito arqueiros da disciplina composto, que não é olímpica, e a colombiana Sara Lopez saiu vencedora, batendo o norueguês Anders Faugstad na final. O segundo torneio contou com oito atletas do recurvo, modalidade que é olímpica.

Foto: Divulgação/World Archery

Nenhum comentário:

Postar um comentário