Morre Renato Brito Cunha, técnico da seleção de basquete masculino bronze em Tóquio 64 - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Morre Renato Brito Cunha, técnico da seleção de basquete masculino bronze em Tóquio 64

Compartilhe


O basquete brasileiro está de luto mais uma vez. A pós a morte do pivô campeão pan-americano Gérson Victalino na semana passada, nesta terça (5) foi a vez do ex-técnico da seleção brasileira de basquete Renato Brito Cunha (que está no centro da foto, segurando a placa), que faleceu aos 94 anos.

Cunha comandou a seleção após a saída de Togo Soares, o Kanela, após o bi mundial de 1963 e levou o Brasil a conquista da medalha de bronze nos jogos olímpicos de Tóquio em 1964. Anos depois comandou a seleção feminina que foi campeã pan-americana dos Jogos de Winnipeg em 1967 comandando nomes que fizeram história entre as mulheres como Nilza, Norminha e Laís Elena.

Em 1968, voltou à seleção masculina e levou a equipe ao quarto lugar, perdendo o bronze para a União Soviética. Brito Cunha ainda comandaria a seleção brasileira nos Jogos de Los Angeles em 1984, onde o Brasil fez uma fraca campanha.

Em 1989, se candidatou à presidência da CBB e foi eleito, ficando no cargo até 1997. Sob sua gestão o basquete feminino viveu o seu auge, mas também foi criticado por não dar a devida atenção aos campeonatos de base. Ele não conseguiu se reeleger novamente, sendo substituído por Gerazime Bozikis, o 'Grego'.

A causa da morte de Renato Brito Cunha não foi divulgada.  Ele estava internado em um hospital em São Paulo com diversas complicações, não resistindo .

foto:CBB/Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário