Presidente do COI cancela viagem ao Japão após crescente de casos de Covid-19 no país - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Presidente do COI cancela viagem ao Japão após crescente de casos de Covid-19 no país

Compartilhe

Thomas Bach, presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), cancelou uma viagem ao Japão programada para maio, devido à crescente pandemia do coronavírus no país. A informação foi passada pelo executivo-chefe do Comitê Organizador de Tóquio-2020, Toshiro Muto, em uma entrevista coletiva nesta sexta-feira, 10. 

De acordo com o portal Kyodo, Bach verificaria o andamento dos preparativos para os Jogos Olímpicos de Tóquio, agora adiados para 2021. O presidente iria até Hiroshima, nas mesmas datas em que a tocha olímpica passaria pela cidade. Bach remarcará sua visita, mas as datas ainda são desconhecidas.

Vale lembrar que o revezamento da tocha seria iniciado em 26 de março, em Fukushima, mas foi cancelado logo após o adiamento dos Jogos, agora programados para serem iniciados em 23 de julho de 2021. A chama olímpica permaneceu na cidade, mas sua exibição popular também teve que ser cancelada após o decreto de estado de emergência realizado por Shinzo Abe esta semana.


O Japão já registrou mais de 5.500 casos e 99 mortes pela Covid-19.  Tóquio é o epicentro da doença no país, possuindo quase um terço dos infectados. A cidade-sede dos próximos Jogos tem registrado número recorde de casos a cada novo dia nas últimas semanas. Somente nesta sexta, foram mais de 190 infecções confirmadas.

Além do cancelamento de Bach, Muto adiantou que uma reunião entre o Comitê de Coordenação do COI e o Comitê Organizador, originalmente marcada para começar na quarta-feira e durar três dias, será realizada como uma videoconferência na próxima quinta-feira, 16.

Foto: Laurent Gillieron/Keystone

Nenhum comentário:

Postar um comentário