Adam Marosi e Joanna Muir conquistam etapa do Cairo da Copa do Mundo de Pentatlo Moderno; Brasileiros vão mal - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio

Adam Marosi e Joanna Muir conquistam etapa do Cairo da Copa do Mundo de Pentatlo Moderno; Brasileiros vão mal

Compartilhe

A primeira etapa da Copa do Mundo de Pentatlo Moderno de 2020, realizada em Cairo, no Egito, teve como destaques Hungria e Grã-Bretanha, que ficaram nos lugares mais altos do pódio. O medalhista de bronze em Londres-2012, Adam Marosi, conquistou a prova masculina, enquanto Joanna Muir venceu no feminino. Cada um somou 60 pontos para a classificação geral.

Marosi superou um jejum de seis anos sem ir ao pódio em uma Copa do Mundo para conseguir o título na capital egípcia. A prata ficou com Jun Woong-tae, da Coreia do Sul, e o bronze foi para o irlandês Arthur Lanigan-O'Keefee.

O húngaro ficou com o ouro após ter uma brilhante atuação na esgrima, conseguindo 28 vitórias e apenas 7 derrotas. Logo em seguida, na natação, obteve um bom tempo, de 02m05s69.

Com a bela margem conquistada, o campeão ainda teve um 16º lugar no hipismo, mas levou 25 segundos de vantagem sobre o segundo colocado geral na prova combinada, onde conseguiu quatro precisos tiros e correu para a vitória da primeira etapa mundial, saindo na frente no ano olímpico.


Entre as mulheres, a vitória da britânica Joanna Muir foi muito emocionante. Na reta final, ela deixou para trás as russas Uliana Batashova e Gulnaz Gubaydullina, que fizeram dobradinha de prata e bronze.

Batashova e Muir saíram juntas na prova combinada, após terem desempenhos semelhantes na esgrima, natação e hipismo. A vitória só veio sair no final, quando a britânica deu um tiro ligeiro e saiu em disparada a frente da ex-campeã da etapa. A diferença das duas foi de 12 segundos.

Atual campeã mundial, Volha Silkina, de Belarus, liderou a esgrima, com 28 toques a favor contra sete contra, e teve um bom tempo nos 200m. Liderava a competição até que foi eliminada da prova equestre após uma ação irregular. Ela acabou na 31ª colocação geral.

No revezamento misto - prova que não é olímpica - os donos da casa fizeram a festa e dominaram o pódio. Haydy Morsy e Eslam Hamad conquistaram o ouro, enquanto Salma Abdelmaksoud e Ahmed Elgendy ficaram com a prata. O bronze foi para Kim Sunwoo e Jung Jinhwa, da Coreia do Sul.


Brasileiros vão mal


Três pentatletas representaram o Brasil no Cairo e todos não tiveram resultados satisfatórios. No masculino, Danilo Fagundes terminou na 76ª colocação geral, enquanto Felipe Nascimento terminou na 82ª posição. Apenas os 35 melhores garantiram vaga na final.

No feminino, Isabela Abreu terminou em 68º lugar, após vencer quatro duelos na esgrima e ter 02m33s03 no nado. Maria Ieda Guimarães, quarta colocada nos Jogos Pan-Americanos de Lima e já classificada aos Jogos de Tóquio 2020, não competiu.

Danilo e Isabela participaram, ainda, do revezamento misto, e acabaram na 12ª colocação entre 14 duplas.

Fotos: Divulgação/UIPM

Nenhum comentário:

Postar um comentário